Mais lidas
Esportes

"Tivemos humildade de reconhecer limitações", diz Jô após título

.

EDUARDO RODRIGUES E LUIZ COSENZO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Corinthians iniciou o Campeonato Paulista desacreditado. Com problemas financeiros e pouco investimento em contratações, foi apontado como a "quarta força" do futebol paulista.

Os próprios jogadores reconheceram a inferioridade da equipe após o título estadual, conquistado neste domingo (7), em empate com a Ponte Preta, no Itaquerão.

"Tivemos humildade de reconhecer limitações, houve críticas e desconfiança, mas correspondemos em campo", afirmou ao atacante Jô.

Assim como o Corinthians, Jô também iniciou a temporada sob desconfiança. Após o fracasso da Copa do Mundo de 2014 com a seleção brasileira e a ida para a China, o jogador ficou desacreditado.

Em seu primeiro jogo na Arena Corinthians, na segunda rodada do Paulista, foi vaiado por perder um pênalti na derrota por 2 a 0 para o Santo André. Ele, porém, se reergueu nos clássicos. Em cinco confrontos contra os rivais, fez cinco gols —três gols no São Paulo, um no Santos e outro no Palmeiras.

"Para mim foi muito importante. Muita coisa em pouco tempo, da desconfiança à retomada. E devo a Deus, que é muito bom e fiel com quem é humilde. Trabalho quieto e não estou 100% satisfeito. Quero mais títulos, como o Brasileirão e a Sul-Americana", disse.

Neste domingo, ele não marcou, mas saiu do torneio como um dos principais nomes do time comandado por Fábio Carille. Dos torcedores, ganhou o apelido de "Rei do Clássicos".

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber