Esportes

Com Ronaldo, Corinthians espera antecipar sua festa

Da Redação ·

O Corinthians entra em campo neste domingo com o objetivo de antecipar aos torcedores o presente do centenário, que será comemorado daqui a três dias. E para isso, tudo parece estar a favor do time do Parque São Jorge. A começar pela roupa e pelo cenário. Os jogadores enfrentarão o Vitória devidamente trajados, pela primeira vez, com a camisa comemorativa de aniversário. E o palco da partida, que começa às 16 horas, não poderia ser melhor: o Pacaembu, considerada até então a casa alvinegra.

continua após publicidade

Mais três fatores indicam que o corintiano já poderá festejar os 100 anos do clube desde este domingo. Até agora, o time ganhou todos os confrontos disputados em casa pelo Campeonato Brasileiro, entre eles o clássico contra o São Paulo, vencido por 3 a 0. O retrospecto da equipe contra o Vitória também é favorável. Das 32 vezes que se enfrentaram, o Corinthians ganhou 18, empatou nove e perdeu apenas cinco.

continua após publicidade

Para completar a lista, o técnico Adílson Batista fez questão de anunciar, na sexta-feira, a volta de Ronaldo, após 112 dias longe dos gramados, por causa de um estiramento muscular na panturrilha, seguido de uma inflamação no púbis. Segundo Adilson, Ronaldo jogará pelo menos os 45 minutos iniciais.

continua após publicidade

ATRÁS DO TÍTULO - Se vencer, o Corinthians, além de antecipar as comemorações do aniversário, ainda se aproxima do líder Fluminense, que só joga às 18h30 contra o São Paulo, e, assim, mantém viva a esperança de o time conquistar um título no ano do seu centenário.

No entanto, Adílson Batista acredita que será um jogo difícil, até porque o time baiano não perde há 3 partidas. "Sabemos que o campeonato é longo e temos jogos difíceis, com adversários brigando contra o rebaixamento, outros tentando chegar na frente. O segundo turno é diferente e temos de ter os devidos cuidados", disse.

continua após publicidade

MUDANÇAS - Apesar das condições positivas, o Corinthians enfrenta uma pressão para voltar ao topo da tabela - tem cinco pontos a menos que o Fluminense -, e ainda jogará com quatro desfalques: Ralf e Jorge Henrique estão suspensos, e Dentinho e William, lesionados.

continua após publicidade

Adílson irá manter a base tática que adotou na derrota para o Cruzeiro. A diferença é que Ronaldo estará mais livre na frente para finalizar - mais um sinal de que o Fenômeno, apesar de ainda não estar na forma ideal, não terá descanso.

O maior trabalho, porém, estará com os companheiros de Ronaldo, mais precisamente Bruno César, pela direita, e Iarley, pela esquerda, que têm a missão de recuperar a bola e deixar o atacante na cara do gol.