Esportes

Brasil estreia com vitória fácil sobre o Irã no Mundial

Da Redação ·

Sem Anderson Varejão, que só deve jogar a partir da terceira rodada, a seleção brasileira masculina de basquete conseguiu superar bem a ausência do ala/pivô neste sábado para estrear com uma vitória fácil no Mundial da Turquia. Em Istambul, o Brasil sofreu um pouco no início, mas deslanchou depois do intervalo e derrotou o fraco Irã por 81 a 65.

continua após publicidade

Enquanto Varejão segue se recuperando de uma lesão no tornozelo esquerdo, a seleção iniciou a sua campanha em busca da redenção em solo turco. Além de ter se ausentado das últimas três edições dos Jogos Olímpicos, o time treinado agora pelo argentino Rubén Magnano teve um desempenho sofrível no último Mundial, em 2006, vencendo apenas um jogo.

continua após publicidade

Na estreia brasileira, Magnano optou por escalar o ala Guilherme Giovannoni no lugar de Varejão. Além dele, também iniciaram o jogo o armador Marcelinho Huertas, o ala/armador Leandrinho, o ala Alex e o pivô Tiago Splitter. Este último atuou na função que seria de Nenê - também lesionado, ele foi cortado antes mesmo da viagem. E quem mais se destacou foi mesmo o substituto de Varejão.

continua após publicidade

Após vencer por 39 a 29 no primeiro tempo, o Brasil só conseguiu abrir vantagem na volta do intervalo com a ajuda de Giovannoni. Se impondo sobre a esforçada seleção do Irã, o time brasileiro contou com 17 pontos e sete rebotes do ala para tornar a vitória tranquila. Do quinteto inicial, apenas Alex, com quatro pontos, não foi bem.

Além de Giovannoni, cestinha da partida, Splitter e Leandrinho anotaram 13 pontos cada. Na armação, Huertas ficou próximo de um duplo-duplo, com dez pontos e nove assistências. Também entraram bem na rotação o ala Marcelinho Machado, autor de oito pontos, e o jovem armador Raul, de 18 anos. Em apenas oito minutos na quadra, ele marcou seis pontos.

continua após publicidade

O próximo desafio do Brasil será às 15h30 (de Brasília) deste domingo, diante da Tunísia. A vitória é importante para a seleção, já que os dois primeiros adversários são os mais fracos do Grupo B. Na mesma chave, também estão Estados Unidos, Eslovênia e Croácia, sendo que apenas os quatro primeiros se classificam para as oitavas de final.

OUTROS RESULTADOS - Também neste sábado pela primeira rodada do Mundial, a França surpreendeu a Espanha, atual campeã, e venceu por 72 a 66 no Grupo D. Já a Argentina, medalhista de ouro olímpica em 2004, sob o comando de Magnano, venceu a Alemanha por 78 a 74 no Grupo A. Já no C, a anfitriã Turquia arrasou a Costa do Marfim por 86 a 47.