Mais lidas
Esportes

Atlético-PR vence Flamengo e assume liderança em grupo da Libertadores

.

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - A Arena da Baixada segue sendo o "cemitério de pontos" do Flamengo - a única vitória foi na Sul-Americana de 2011. Nesta quarta-feira (26), os cariocas perderam para o Atlético-PR por 2 a 1 em partida válida pela quarta rodada da Taça Libertadores.

Na primeira etapa, quando o jogo estava equilibrado, uma falha do goleiro Alex Muralha, do Flamengo, proporcionou vantagem ao Atlético-PR.

Depois de uma cobrança de falta, o zagueiro Thiago Heleno subiu mais alto do que Rafael Vaz e cabeceou. Adiantado, Muralha não alcançou a bola e ainda foi atrapalhado por Eduardo da Silva.

Os cariocas tiveram boas chances na segunda etapa. Guerrero chegou a balançar as redes, mas o gol foi anulado por conta da posição de impedimento.

A principal oportunidade veio aos 28min. Leandro Damião cabeceou no travessão. No rebote, Guerrero escolheu o canto e também de cabeça parou em Weverton.

Já no final do segundo tempo, o meia Felipe Gedoz ampliou o placar para o time da casa. Pouco depois, o volante Willian Arão descontou para o Flamengo.

O resultado colocou o Atlético-PR na liderança do grupo 4, com sete pontos. O Flamengo está na segunda posição e soma seis pontos.

Apesar do resultado negativo para o clube da Gávea, os dois brasileiros podem garantir a vaga nas oitavas de final já na próxima quarta-feira (3). Para isso, basta que façam o dever de casa.

Se o Flamengo vencer a Universidad Católica-CHI, no Maracanã, e o Atlético-PR bater o San Lorenzo-ARG, novamente na Arena da Baixada, as respectivas classificações serão sacramentadas. Um triunfo do Flamengo, com um empate do time paranaense, também garante antecipadamente os cariocas na próxima fase.

ATLÉTICO-PR

Weverton; Zé Ivaldo, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Rossetto (Wanderson) e Lucho González (Felipe Gedoz); Douglas Coutinho (João Pedro), Nikão e Eduardo da Silva. Técnico: Paulo Autuori

FLAMENGO

Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Renê (Matheus Sávio); Márcio Araújo (Mancuello), Romulo (Leandro Damião) e Willian Arão; Trauco, Gabriel e Guerrero. Técnico: Zé Ricardo

Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR) Árbitro: Jose Argote (VEN)

Cartões amarelos: Weverton (Atlético-PR); Guerrero, Rafael Vaz (Flamengo)

Gol: Thiago Heleno (Atlético-PR), aos 35min do primeiro tempo; Felipe Gedoz (Atlético-PR), aos 42min do segundo tempo; Willian Arão (Flamengo), aos 44min do segundo tempo

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber