Mais lidas
Esportes

Botafogo disputa liderança e um pé na próxima fase da Libertadores

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Botafogo e Barcelona de Guayaquil decidem nesta quinta-feira (20), às 21h45, no Equador, quem fica com a liderança do Grupo 1 da Taça Libertadores. As duas equipes estão empatadas na primeira colocação, com 6 pontos anotados e o mesmo número de gols feitos (4) e sofridos (1).

O time de General Osório encara a partida válida pela terceira rodada da competição como uma “final antecipada”. Isso porque quem vencer o duelo terá dado um importante passo rumo à classificação para a próxima fase, considerando que os outros times da chave -Estudiantes (ARG) e Atlético Nacional (COL)- não pontuaram nas duas primeiras rodadas.

Uma parte do elenco alvinegro está concentrada em solo equatoriano desde a semana passada. Após a vitória por 2 a 0 contra o Atlético na última quinta (13), na Colômbia, o grupo embarcou direto rumo ao local deste próximo confronto. Na ocasião, apenas alguns jogadores e o treinador Jair Ventura retornaram ao Brasil para disputar a final da Taça Rio, no domingo (16).

Os desfalques mais importantes do time carioca serão o volante Airton e o meia Montillo, lesionados. Além deles, seguem em recuperação o goleiro Jefferson, o volante Bochecha e os laterais Luis Ricardo, Jonas e Marcinho. Há ainda a baixa mais recente, o meia Leandrinho; ele se lesionou contra o Vasco, no final de semana passado.

Uma das esperanças dos botafoguenses é o meia Camilo. O camisa 10 foi um dos destaques na última vitória pela competição internacional, em Medellín. O jogador se mostrou confiante para atuar mesmo fora de casa. “A equipe deles tem uma transição rápida. Nós jogamos cada jogo da mesma maneira. Talvez antes da fase de grupo nos colocaram como mais inferiores, mas mostramos que a força do Botafogo é grande. A equipe do Atlético Nacional não perdia fazia tempo em casa e aproveitamos as oportunidades. Estamos com um estilo de jogo muito forte fora de casa também.”

A equipe de Guayaquil também terá desfalques. O técnico Guillermo Almada não poderá contar com os meias Matías Oyola, um dos destaques do time, e Erick Castillo. Os dois jogadores saíram lesionados do último compromisso do Barcelona, a derrota por 1 a 0 no clássico local com o Emelec no domingo (16), pelo Campeonato Equatoriano. Além deles, o meia Damían Diaz fica de fora por estar suspenso.

BARCELONA DE GUAYAQUIL

Máximo Banguera; Títo Valencia, Jeferson Mena, Dario Aimar, Mario Pineida; Minda, Marques, Marcos Caicedo, Ely Esterilla, Alvez; Ariel Nahuelpan. Técnico: Guillermo Almada

BOTAFOGO

Gatito Fernández; Emerson Santos, Emerson Silva, Joel Carli, Víctor Luis; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, João Paulo, Camilo; Rodrigo Pimpão e Roger. Técnico: Jair Ventura

Estádio: Monumental, em Guayaquil, no Equador

Juiz: Jesús Valenzuela (VEN)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber