Esportes

Lesão adia decisão sobre o plano de carreira de Ganso

Da Redação ·
 Ruptura no ligamento cruzado do joelho afastará Ganso por seis meses
fonte: Ricardo Saibun/Santos FC
Ruptura no ligamento cruzado do joelho afastará Ganso por seis meses

A lesão sofrida pelo meia Paulo Henrique Ganso - que irá afastá-lo dos gramados durante um período de seis meses - fez com que a análise sobre o plano de carreira oferecido pelo Santos fosse adiada. O projeto foi apresentado pelos dirigentes santista nesta quinta-feira (26), porém, com a notícia que chegou durante a reunião de que o astro alvinegro rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, a família do jogador pediu mais tempo para analisar a proposta que foi feita pelo time da Vila Belmiro.

continua após publicidade

Os principais pontos do projeto já foram explicados e a equipe que assessora o jogador irá analisar tudo o que foi oferecido antes de dar uma resposta na semana que vem. Um projeto semelhante foi feito recentemente para segurar o atacante Neymar no clube, após uma proposta milionária do Chelsea (Inglaterra) pelo futebol do atacante.

continua após publicidade

No planejamento de carreira oferecido ao armador santista estão estabelecidos os seguintes pontos: aumento salarial, exploração da imagem do atleta na mídia e em campanhas publicitárias como um líder e um verdadeiro camisa 10, criação de uma fundação com o nome de Ganso e premiações por objetivos alcançados - títulos e convocações para a seleção brasileira.

O atual contrato do meia, que tem duração até fevereiro de 2015, seria prorrogado até dezembro do mesmo ano. A multa rescisória para o mercado do exterior deve ser mantida em R$ 112 milhões (50 milhões de euros).