Mais lidas
Esportes

ATUALIZADA - Chilenos brigam na Arena Corinthians e acabam acuados pela PM

.

DASSLER MARQUES

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A presença de torcedores da Universidad do Chile na Arena Corinthians gerou uma confusão generalizada na noite desta quarta-feira (5), na estreia das duas equipes na Copa Sul-Americana.

A confusão teve início a uma hora do jogo e chegou a seu ápice no intervalo do confronto. Presentes no setor Sul do estádio, chilenos atiravam assentos em direção aos corintianos e começaram confronto também com os policiais.

Já ao fim do primeiro tempo, a confusão esquentou e os policiais partiram na direção dos visitantes de maneira enérgica: alguns foram detidos e o grupo foi acuado em uma parte da arquibancada. No momento de repressão, torcedores corintianos aplaudiram a ação da PM.

Muitos torcedores foram retirados do estádio pelos policiais. A confusão, por sua vez, continuou do lado de fora da arena. Alguns chilenos, inclusive, chegaram a quebrar o vidro de uma das bilheterias.

Cerca de 1.200 ingressos foram colocados à venda para os torcedores chilenos, que preencheram praticamente todo o setor destinado.

Em meio à confusão pré-jogo, os chilenos acenderam sinalizadores na arquibancada. Eles foram seguidos também por corintianos: em volume bem maior, os sinalizadores utilizados pelos mandantes cobriram a Arena Corinthians de fumaça por alguns minutos. Os artefatos são proibidos pela Conmebol. No telão, o estádio pediu que os sinalizadores não fossem utilizados.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber