Mais lidas
Esportes

Rogério Ceni pede a contratação de um novo camisa 10 para o São Paulo

.

LUIZ COSENZO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após a derrota para o Palmeiras por 3 a 0, neste sábado (11), no Allianz Parque, o técnico do São Paulo, Rogério Ceni, afirmou que o clube precisa contratar um camisa 10 para a sequência da temporada.

O único jogador do elenco são-paulino com essa característica de armação é o peruano Cueva, que ficou fora do clássico por conta de um edema na coxa esquerda. Ele sentiu a lesão durante a vitória da equipe tricolor sobre o ABC por 3 a 1, na última quarta-feira, pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

"Nós precisamos, para um Campeonato Brasileiro, porque para agora já não é mais possível, de um camisa 10 com característica parecidas com a dele [Cueva]", disse Ceni ao explicar a ausência do peruano no duelo contra o Palmeiras.

"Acho que o time consegue andar sem o Cueva, mas eu prefiro caminhar com ele. Eu gostaria que ele jogasse, mas ele tem um edema muscular na coxa, que aumentou do último jogo, com risco de lesão muscular. Prefiro perder para um ou dois jogos do que por mais tempo", acrescentou.

Sem Cueva, Rogério Ceni escalou uma equipe com quatro meio-campistas com características de marcação. Jucilei e Cícero atuaram como volantes, enquanto João Schmidt jogou um pouco mais avançado. Já Thiago Mendes atuou aberto pela direita. No segundo tempo, o treinador colocou Wellington Nem na vaga de Jucilei e recuou Thiago Mendes.

"Meu intuito hoje era fazer uma marcação mais a frente no segundo tempo. Pensei numa situação um pouco mais conservadora com o Thiago e no segundo tempo atacar bastante com Wellington Nem. Mas quando o time perde a confiança, porque tomou o gol, essas substituições não deram tanto resultado", explicou Ceni.

O São Paulo volta a campo na quarta-feira (15), quando enfrenta o ABC, às 19h30, no estádio Frasqueirão, em Natal, pela partida de volta da Copa do Brasil. Como venceu o jogo de ida por 3 a 1, a equipe tricolor pode perder por até um gol de volta.

Além de Cueva, Rogério não sabe se poderá contar com o atacante argentino Lucas Pratto, que fraturou o nariz durante o clássico deste sábado. Ele foi encaminhando para um hospital logo após a partida.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber