Mais lidas
Esportes

Justiça decreta prisão de suspeitos de matar fundador da Mancha

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Justiça decretou nesta sexta-feira (10) a prisão temporária dois suspeitos pelo assassinato do fundador da torcida organizada do Palmeiras, Mancha Alviverde, Moacir Bianchi.

De acordo com o Ministério Público de São Paulo, a partir de depoimentos de testemunhas, a polícia chegou ao nome do suposto assassino. Na mesma investigação, também foi esclarecido quem dirigia o carro que parou atrás do de Bianchi.

A investigação segue para apurar se mais pessoas participaram do crime.

Bianchi foi morto na madrugada do dia 2 de março, na Avenina Presidente Wilson, no Ipiranga.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber