Mais lidas
Esportes

Palmeiras vive consenso de que falta vibração ao time em 2017

.

GUILHERME SETO E LUIZ COSENZO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após a derrota por 1 a 0 para o Corinthians nesta quarta-feira (22) com um jogador a mais durante todo o segundo tempo, jogadores e membros da comissão técnica do Palmeiras chegaram ao consenso de que tem faltado vibração ao time nesta temporada. A despeito da mudança de comando técnico com a saída de Cuca e a chegada de Eduardo Baptista, o entendimento é o de que o impacto da renovação tática é menor do que a indolência em alguns momentos.

"Faltou dinamismo para jogar. Mas está havendo entendimento dos jogadores. Foi um jogo muito forte. Temos que trabalhar para evoluir (...) Faltou mais velocidade. A paciência de ter bola não quer dizer morosidade. Tivemos paciência, mas com morosidade", afirmou Baptista depois do jogo.

O discurso ponderado do treinador ganhou coro dos jogadores.

"Faltou um pouco de agressividade. Mas nos deparamos em duas linhas de quatro, que é difícil de entrar. A postura deles foi totalmente de se defender para não tomar o gol. Nós ficamos um pouco devagar nessa transição de querer atacar um pouco mais, de querer ficar mais à frente. Eu acabei não tendo nenhuma chance de gol, mesmo estando com um a mais", disse Alecsandro, que deixou escapar frase que também pode mostrar como a soberba influi na morosidade da equipe.

"Antes do jogo nós até comentamos que a competição do Corinthians era essa, porque eles não jogam a Libertadores. Então com certeza eles entrariam com muita vontade de ganhar da gente e a gente teria que suportar a pressão no estádio deles", disse.

O veterano Zé Roberto fez análise parecida com a do treinador.

"A gente não conseguiu impor um ritmo mais forte de jogo. A equipe deles, por estar jogando em casa, acaba tendo esse espírito aguerrido. Nosso time lutou por todas as bolas, claro. Mas faltou entender o que é jogar um clássico".

Para a próxima partida, Baptista e os jogadores centrarão esforços em uma atuação com mais vibração. Esse aspecto será enfatizado nos trabalhos até sábado (25), quando o Palmeiras receberá a Ferroviária no Allianz Parque. O time é líder do Grupo C, com 9 pontos, três a mais que o Novorizontino.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber