Mais lidas
Esportes

Vasco sofre, mas vence Portuguesa e vai à semifinal da Taça Guanabara

.

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - O Vasco segue devendo na temporada. Neste sábado (18), o cruzmaltino voltou a se apresentar mal e sofreu para vencer a Portuguesa por 1 a 0 -gol de Thalles. O resultado colocou o time de São Januário nas semifinais da Taça Guanabara com a segunda colocação do Grupo C -nove pontos.

Na próxima fase, os comandados de Cristóvão Borges enfrentarão Flamengo ou Madureira, que duelam domingo (19), às 17h, em Volta Redonda. Independentemente do adversário, o Vasco terá que vencer, já que qualquer um dos rivais terá a vantagem do empate para ir à final do primeiro turno.

Em um dia de calor intenso no Rio de Janeiro e de mais de cem blocos espalhados pela cidade no pré-Carnaval, o jogo entre Vasco e Portuguesa deixou a desejar. O dono da casa se mostrou pouco inspirado e precisou de um gol de Thalles aos 18 min do segundo tempo para garantir a sofrida vitória.

A torcida vascaína não escondeu a irritação com a atuação e vaiou a equipe em alguns momentos. No final, prevaleceu a comemoração pela vitória, mas com os torcedores aparentemente cientes de que Cristóvão Borges ainda terá muito trabalho pela frente.

Com um jogo longe de empolgar a torcida, o atacante Luís Fabiano foi uma das celebrações nas arquibancadas. O atacante foi lembrado através de cantos e a torcida não escondeu a expectativa pela chegada do artilheiro, prevista para a próxima terça-feira (21).

Um torcedor do Flamengo infiltrado na torcida do Vasco gerou revolta e foi agredido na arquibancada de São Januário por um grupo de cruzmaltinos no intervalo da partida.

Antes da partida, o torcedor do Flamengo havia divulgado nas redes sociais que iria "ver o Vasco ser eliminado em casa" e disse que mostraria uma tatuagem do clube rubro-negro para os rivais se tivesse 100 curtidas na postagem. Ele foi reconhecido no estádio por causa da publicação.

O flamenguista agredido saiu ensanguentado e foi detido pela Polícia Militar. O próprio Twitter do Vasco publicou a imagem do torcedor após o incidente.

VASCO

Martín Silva; Gilberto, Luan, Rodrigo e Henrique (Muriqui); Jean, Bruno Gallo (Escudero), Guilherme Costa (Wagner) e Nenê; Kelvin e Thalles

T.: Cristóvão Borges

PORTUGUESA

Luciano; Pessanha, Marcão, Rodrigo e Jacozinho; Marcinho Pitbull, Muniz (Peterson), Romarinho e Fabinho; Matías Sosa e Edu

T.: Nelson Rodrigues

Estádio: São Januário, no Rio Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior

Cartões amarelos: Jean (V); Jacozinho, Muniz e Peterson (P)

Gol: Thalles, aos 18 min do 2º tempo

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber