Mais lidas
Esportes

Sassá terá que superar até fiscalização de botafoguenses em noite carioca

.

BERNARDO GENTILE

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Artilheiro do time no último Brasileiro, Sassá ganhou espaço no Botafogo. O problema é que a disposição do atacante é semelhante dentro e fora das quatro linhas. O comportamento polêmico criou uma resistência dentro do clube, que chegou a afastar o atleta, reintegrado na noite da última segunda-feira (13).

Apesar de ter voltado aos planos, o atacante terá que enfrentar forte resistência dos torcedores, divididos sobre o que fazer com Sassá. Muito disso se deve ao seu desempenho nas noites cariocas. A presença do atacante tem sido tão frequente que torcedores do Botafogo passaram a fiscalizar o atleta. Não são poucas as fotos recebidas por dirigentes do alvinegro em que o jogador aparece curtindo noitadas.

Dirigentes pediram para que Sassá diminuísse sua frequência na noite carioca e também nas atitudes polêmicas. Não adiantou. Exatamente por isso ele acabou afastado momentaneamente do time principal.

Foram quatro jogos sem ser relacionado. Perdeu as duas fases preliminares da Libertadores e só terá a chance de jogar a competição internacional se avançar para a fase de grupos. Esse castigo fez com que Sassá mostrasse algum tipo de arrependimento.

Além disso, a proposta de transferência recebida pelo Botafogo por Sassá veio do futebol russo. Os números, porém, não agradaram e o alvinegro decidiu manter o jogador. Alguns dias depois, as partes se reuniram e resolveram o problema internamente.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber