Esportes

Cobrança dá resultado e Grêmio encontra novo Bolaños

.

MARINHO SALDANHA

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Grêmio encontrou um ’novo Bolaños’. Após as férias, os repetidos puxões de orelha do técnico Renato Gaúcho parecem ter dado resultado. Elogiado, o equatoriano deve passar a ganhar mais oportunidades no time gaúcho.

O primeiro a elogiar a nova conduta do gringo foi o vice de futebol Odorico Roman. Segundo ele, Bolaños foi um dos destaques dos treinamentos e jogos de pré-temporada. Diante do Ypiranga, no primeiro compromisso oficial do ano, ele entrou no segundo tempo e foi discreto, mas mesmo assim ganhou carinho de Renato Gaúcho.

O treinador, aliás, reclamava muito dele no ano passado por conta da falta de participação defensiva. Bolaños simplesmente não trabalhava na composição da primeira linha de marcação. Demorava para agir e deixava espaços. Por isso foi preterido tantas vezes. ‘Quem vai me dar a resposta é o Bolaños. Ano passado eu cobrei muito dele. Ele é muito bom tecnicamente, é inteligente e sabe fazer gols. Eu cobrava a participação dele quando o Grêmio não tem a posse de bola. Tem que voltar, ajudar a marcar, tem que brigar mais pela bola junto aos companheiros. É esta parte que eu cobro dele. No mais, é um jogador muito bom‘, elogiou Renato Gaúcho.

Mas após o período de férias, parece que tal problema chegou ao fim. Nas atividades propostas pelo comando, o jogador parece ter compreendido a dinâmica de atuação no Brasil e poderá finalmente ser utilizado com mais frequência. ‘Ele voltou com outro espírito para a pré-temporada. Este é o Bolaños que a gente quer. É o que mais cobro dele e ele está entendendo. Na próxima quarta (diante do Flamengo pela Primeira Liga) ele vai jogar. O Grêmio começou o ano com o mesmo time que acabou até por méritos. Não tinha por que mudar. Agora espero que voltemos a jogar tudo que sabemos. O mais importante é que todos estão com fome de jogar‘, completou o técnico.

Não foi só Renato que cobrou de Bolaños. O presidente Romildo Bolzan Júnior também teve uma conversa de perto com o jogador. As frequentes informações vindas de seus agentes dando conta de interesse em se transferir deixaram o clube irritado. Ao ouvir que ele pretendia permanecer no Brasil, o mandatário tratou de impor comprometimento.

Miller tem 26 anos e custou R$ 20 milhões ao Grêmio. No ano passado, disputou 28 jogos e marcou sete gols. ’The Killer’, como é chamado em seu país, tem mais dois anos de contrato em Porto Alegre.