Mais lidas
Esportes

Atacante acerta contrato de três anos com time chinês

.

FÁBIO ALEIXO

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O atacante Alexandre Pato defenderá mesmo o Tianjin Quanjian, da China. O jogador acertou contrato de três anos com a equipe, segundo informou seu empresário Gilmar Veloz. O clube chinês pagou ao Villareal (ESP) 18 milhões de euros (R$ 60 milhões) pelos direitos do atleta. O salário, entretanto, não foi divulgado ainda.

Pato passou por exames médicos neste fim de semana em Roma (ITA), onde a equipe faz a sua pré-temporada, e já treinará normalmente com os seus novos companheiros nesta semana. Sua contratação foi uma indicação do técnico Fabio Cannavaro.

O jogador estava no Villarreal desde o ano passado e disputou 24 partidas pela equipe espanhola, tendo anotado seis gols. Seu último jogo pelo clube espanhol foi no dia 21 de janeiro.

Os espanhóis vão lucrar bastante com a operação, uma vez que haviam comprado Pato do Corinthians há seis meses por 3 milhões de euros (cerca de R$ 10,1 milhões) e agora o vendem por 18 milhões.

Nesta janela de transferências, o Tianjian já havia feito um grande investimento pelo belga Axel Vitsel. O meia foi comprado do Zenit (RUS) por 20 milhões de euros (R$ 67 milhões).

O Tianjian é a equipe chinesa que foi treinada por Vanderlei Luxemburgo e que investiu pesado na contratação de brasileiros como Jadson e Luis Fabiano, que não seguirão mais lá. Além do Pato, o outro brasileiro no elenco atual é o atacante Geuvânio.

O clube disputará a primeira divisão chinesa pela primeira vez nesta temporada.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber