Esportes

Apagado na reestreia, Valdivia promete melhora

Da Redação ·

A expectativa era grande. Talvez por isso, a reestreia de Valdivia pelo Palmeiras não tenha sido das melhores neste domingo, no empate sem gols com o Guarani, em Campinas. O chileno entrou na volta do intervalo, mas pouco apareceu. Ainda sem ritmo de jogo, ele reconheceu a atuação apagada e reforçou várias vezes a vontade de evoluir.

continua após publicidade

"O calor estava muito forte, senti um pouco, mas isso não é desculpa. Vou melhorar", prometeu Valdivia, que lembrou o carinho da torcida palmeirense por ele. "Não sei porque tanto amor para mim, mas sei que tenho que corresponder. Hoje (domingo) não deu, mas vou melhorar", garantiu novamente o principal reforço do clube na temporada.

continua após publicidade

Sem jogar desde o dia 28 de junho, quando defendeu o Chile na derrota para o Brasil, pela Copa do Mundo, Valdivia espera aprimorar o condicionamento físico para fazer melhor no jogo de quinta-feira, contra o lanterna Atlético-GO, no Pacaembu. "Eu sei que a torcida sempre vai me apoiar, mas tenho calma para saber que não vou jogar bem todos os jogos. Vou fazer meu trabalho bem nessa semana e melhorar jogo a jogo", disse.

Assim como o próprio chileno, o técnico Luiz Felipe Scolari também confia na melhora do meia. "O Valdivia não tinha condições de jogar os 90 minutos hoje e por isso o coloquei no segundo tempo, quando o calor já estava diminuindo e eu precisava de um pouco mais de toque no meio campo. A gente sabe que ele ainda vai melhorar muito", comentou Felipão.