Esportes

Irritado, Felipão se diz perseguido pela arbitragem

Da Redação ·

O técnico Luiz Felipe Scolari não escondeu a irritação com o árbitro Sálvio Spinola Fagundes Filho, após o empate sem gols com o Guarani, neste domingo. Para o treinador, o Palmeiras está sendo prejudicado por ter apoiado Fábio Koff nas eleições para o Clube dos 13 contra o candidato da CBF, Kléber Leite.

continua após publicidade

Indignado, Felipão disse que não quer "pagar a conta" pela decisão da diretoria palmeirense. "Eu faço o meu trabalho, mas não fui eu que votei no Fábio Koff. Eu pago as minhas contas, não pago as dos outros", disse o treinador, culpando a opção do presidente Luiz Gonzaga Belluzzo de apoiar Koff.

continua após publicidade

Felipão discutiu rispidamente neste domingo com o árbitro em três ocasiões, mas não foi expulso, ao contrário do que ocorreu na partida contra o Atlético-PR, na rodada passada. Por essa expulsão, Felipão será julgado na quarta-feira pelo STJD. "É bonito, é fantástico o juiz me xingar. No jogo contra o Vitória, quem estava brigando e falando alguma coisa era o Murtosa. O quarto árbitro viu. Mas o árbitro disse que eu sou o chefe. Eu pago todas as contas, está difícil de entender", disse.

continua após publicidade

"Espero que eles me deixem fazer meu trabalho. É difícil entender que um árbitro diga que ouviu palavra minha a 25 metros e nenhum microfone, que capta até suspiro, tenha pego", disse o técnico, duvidando do relato do árbitro da partida contra o Atlético, Wilton Pereira Sampaio, que disse que Felipão o chamou de "safado".

RIVALDO - Felipão disse neste domingo que o Palmeiras não contratará Rivaldo, de 38 anos. Depois de Belluzzo afirmar que só dependeria do técnico a escolha de assinar ou não com o jogador, Felipão foi categórico e disse não ao "amigo Riva". "Ele volta ao Palmeiras, mas só como meu amigo, para visitar, se quiser. Ele continua sendo meu amigo e coloquei isso para ele. O torcedor pode alimentar sonhos, mas não acontecerá nada. O futebol está muito rápido hoje", disse Felipão.