Esportes

Flamengo tenta quebrar tabu de 26 anos em Curitiba

Da Redação ·

Mais do que jogar bem e derrotar um adversário que está à margem da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o Flamengo quer quebrar um tabu que já dura 26 anos - não vence o Atlético-PR em Curitiba desde 1974. Nos últimos 16 jogos na capital do Paraná contra o Rubro-Negro local, o Flamengo perdeu 12 e empatou quatro.

continua após publicidade

Para o técnico Rogério Lourenço, os números não devem pautar a estratégia do time para superar o Atlético-PR. Ele sabe que seu ataque não funciona. Por isso, os dirigentes do clube agiram rápido e contrataram dois reforços expressivos para o setor: Diogo e Deivid. Os dois, no entanto, só vão ser apresentados oficialmente pelo Flamengo na terça-feira.

continua após publicidade

No último coletivo antes da viagem para Curitiba, Rogério Lourenço escalou Kleberson por alguns minutos na vaga de Petkovic, avançando Renato para a posição do sérvio. Essa formação pode ser alternativa para o decorrer da partida. De início, Petkovic sai jogando.

Com a contratação de Diogo e Deivid, o ambiente no Flamengo mudou. Os jogadores estavam mais descontraídos nas últimas atividades e os torcedores compareceram à Gávea em grande número para comemorar a vinda da dupla. Mas, convicto de que o momento é de atenção redobrada, Rogério fez um alerta. "É preciso lembrar a todos que o jogo com o Atlético-PR é importantíssimo."