Esportes

Drogba não é mais o mesmo, mas brilhará no Brasil, diz rival nos EUA

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Corinthians segue as negociações para contar com Drogba nesta temporada e um brasileiro que atuou contra o marfinense na Major League Soccer acredita que ele pode ter sucesso caso venha realmente a atuar no Brasil.

"Ele chegou lá em 2015 e foi muito bem no primeiro ano lá, foi artilheiro da equipe, com média de quase um gol por jogo. Ele fez tanto sucesso que fizeram campanha para que ele voltasse. Em 2016 não foi a mesma coisa. No fim do campeonato teve problemas de lesão e terminou o campeonato sem jogar. É um jogador que todos sabem da qualidade. Ele é forte e foge do biótipo do jogador brasileiro. Se vier para o Corinthians, mais pela falta de jogador deste tipo aqui, vai somar muito", afirmou Marcelo Sarvas à Rádio Globo.

Sarvas, de 35 anos, é jogador do DC United e jogou duas vezes contra Drogba na última temporada da Major League Soccer.

"Claro que é muito difícil analisar o jogador sem ele estar aqui, o choque cultural que pode sofrer. Mas ele é um jogador diferenciado, mundialmente conhecido, vai ter muito marketing e pode fazer a diferença", disse.

"Dentro do jogo, se for esperar que ele esteja ali para definir e fazer gols, puxar dois marcadores e ficar ali dentro da área, acho que ele está preparado. Se for esperar que saia para armar jogo, não vai conseguir. Hoje ele não é o mesmo Drogba que atuava no Chelsea", analisou.

"Mas hoje ele ainda é um jogador que é difícil de encontrar no Brasil. Se formos pensar, temos o Fred e o Ricardo Oliveira", completou.