Esportes

Brasileiro se aproxima de 'Coma' no Rally dos Sertões

Da Redação ·

O brasileiro Felipe Zanol conseguiu, nesta segunda-feira, a sua quarta vitória na categoria motos do Rally dos Sertões. No trecho de 330 quilômetros de especial entre as cidades de Palmas e São Félix do Tocantins, ambas no Estado de Tocantins, o piloto completou o percurso em 3h33min35. O segundo colocado foi o espanhol Marc Coma, líder da competição, que chegou 2 minutos e 25 segundos atrás de Zanol.

continua após publicidade

"Larguei dois minutos atrás do Coma, mas ganhei bastante tempo nas travessias de rio, pois geralmente os pilotos não atravessam em cima, mas sim do lado da moto. Eu atravessei todas em cima. No reabastecimento, estava um minuto atrás do Coma, no km 268 da especial. No final da especial cheguei no Coma e ele foi tranquilo, abriu passagem e seguimos praticamente juntos até o final. O mais importante é que a moto chegou 100%", comemorou Zanol.

continua após publicidade

O espanhol Marc Coma se preocupou apenas em conservar sua moto para a próxima especial. "Hoje (segunda) foi um dia para ser mais tranquilo na condução, para conservar a parte mecânica da moto. Não tive problema nenhum. Amanhã (terça) será a maior especial de todas, então tenho que tomar muito cuidado", declarou o bicampeão do Rally Dakar, que tem pouco menos de 15 minutos de vantagem para o brasileiro.

continua após publicidade

Nesta terça, os pilotos disputarão a sétima etapa entre São Félix do Tocantins e Balsas, já no Maranhão. Considerada a etapa mais difícil do Rally dos Sertões, já que passa pelo Jalapão, o percurso tem 520 km, sendo 485 deles cronometrados.

Quem se deu bem nos carros foi a dupla Cristian Baumgart/Beco Andreotti, que venceu a sua primeira especial em 12 anos de Sertões. A segunda posição ficou com Klever Kolberg/Flávio França, que reassumiu a liderança no acumulado. O terceiro lugar ficou com Riamburgo Ximenes/Stanger Eler, seguidos por Guiga Spinelli/Youssef Haddad e Marcos Baumgart/Kleber Cincea.

continua após publicidade

Nos caminhões, o trio Vanderlei Cassol/Lelio Carneiro/Henrique Oliveira surpreendeu e conseguiu conquistar a vitória nesta segunda. Depois de passar na segunda parcial com quase cinco minutos de vantagem em relação ao segundo colocado, André Azevedo/Maykel Justo/Ronaldo Pinto estava com o triunfo na etapa praticamente assegurado, mas perderam terreno e ficaram com o segundo lugar.