Esportes

Flamengo joga para manter emprego de Lourenço

Da Redação ·

Um jogo chave para o Flamengo no Campeonato Brasileiro. Nem tanto para a classificação na tabela, ainda sujeita a muitas mudanças, mas pelo potencial de definir o futuro imediato do time. Caso seu time não derrote o Ceará, neste sábado, às 18h30, no Maracanã, pela 14ª rodada da competição, o técnico Rogério Lourenço corre sério risco de ser destituído. E jogadores como Val Baiano podem ficar longe do time titular.

continua após publicidade

Ciente de que está na corda bamba - já são quatro jogos sem vencer, com apenas um gol marcado no período -, Rogério apressou as estreias de Leandro Amaral e Renato na equipe, apesar de todos os riscos. O próprio Renato admite que voltar antes do ideal é submetê-los à possibilidade de lesões musculares. Mas o momento é de tal urgência para o treinador

continua após publicidade

que isso não foi levado em conta.

"Estou muito abaixo do nível dos outros jogadores. Fiquei um mês e 20 dias parado, sem trabalhar com bola. Fiz apenas alguns treinos físicos. A torcida tem de entender isso, mas não quero dar desculpas. Espero fazer uma estreia sem medo. Corro risco de lesão, mas não penso nisso", reconheceu o meia.

continua após publicidade

O time entra em campo com a missão de melhorar o rendimento no Maracanã. A campanha rubro-negra no estádio tem sido decepcionante, com apenas duas vitórias em oito partidas (com quatro empates e duas derrotas).

continua após publicidade

Rogério sabe que se quiser permanecer como técnico do clube por algum tempo precisará que seus jogadores revertam o cenário. "O diferencial do Flamengo nesse primeiro terço de campeonato foram os jogos em casa. Tem que vender muito caro qualquer ponto aqui dentro.

Tivemos chance de matar o jogo contra o Avaí e não conseguimos, por exemplo. Os jogos no Maracanã têm de voltar a ser o diferencial", diagnosticou o treinador.