Esportes

Bruno Senna critica fechada de Schumacher em Barrichello

Da Redação ·

O piloto Bruno Senna comentou, nesta terça-feira (10), a polêmica ultrapassagem que Michael Schumacher fez em Rubens Barrichello na última corrida, GP da Hungria. Para ele, o heptacampeão mundial foi imprudente ao jogar o piloto da Williams contra o muro, quase ocasionando um grave acidente.

continua após publicidade

- Pessoalmente, eu acho que a manobra passou do limite. Se você procurar no YouTube, não faltam vídeos de acidentes causados por falta de responsabilidade de quem está sendo ultrapassado. O próprio Schumacher sabe que passou do limite.

continua após publicidade

O piloto da Hispania lembrou que sofreu um acidente semelhante em 2006, durante a etapa de Snetterton (Inglaterra), válida pela Fórmula 3 Inglesa.

continua após publicidade

- O cara [o mexicano Salvador Durán] me fechou e eu dei uma bela capotada. Posso dizer que não foi uma situação muito agradável.

Para ele, é importante que todos os pilotos da categoria tenham a consciência de não defender a posição a todo custo.

continua após publicidade

- Espero não ver mais esse tipo de situação para não dar o exemplo para molecada que está subindo.

continua após publicidade

Ao ser questionado sobre as diferenças entre a F-1 e as categorias de base, Bruno Senna citou o ambiente pouco pessoal. "É muita política, as pessoas estão sempre lá negociando, olhando para o futuro delas... você conhece muitos rostos, mas poucas pessoas.

continua após publicidade

O brasileiro também defendeu o compatriota Felipe Massa, uma vez que o piloto da Ferrari vem sendo criticado por ter cedido o primeiro lugar para Fernando alonso no GP da Alemanha, no dia 25 de julho.

- É muito fácil de julgar a atitude do outro quando não está na pele da pessoa. Cada um faz o que acha correto de fazer em cada situação. Antes de falar mal sobre o outro, as pessoas deviam estar mais informadas.

O sobrinho de Ayrton Senna, no entanto, não afirmou que não aprova o "jogo de equipe", prática comum na F-1, quando o campeonato está indefinido, pois, segundo ele, nessa situação o esporte não é favorecido.

- Isso só é bom quando o campeonato está decido e há uma situação favorável ao outro, já que aí você vai ajudar o companheiro. Todo mundo prioriza quem luta pelo título, mas jogo de equipe não é positivo para o esporte.