Esportes

Schumacher pede desculpas a Barrichello por manobra

Da Redação ·
 Michael Schumacher pediu desculpas depois de ironizar manobra na Hungria
fonte: Foto Attila Kisbenedek/AFP
Michael Schumacher pediu desculpas depois de ironizar manobra na Hungria

O heptacampeão mundial de Fórmula 1 Michael Schumacher, da equipe Mercedes, pediu desculpas nesta segunda-feira (2) a Rubens Barrichello, da Williams, pela perigosa manobra durante o Grande Prêmio da Hungria,neste domingo (1º), quando fechou o brasileiro.

continua após publicidade

Schumacher, entretanto, afirmou em seu site oficial que não quis colocar o adversário em perigo.

continua após publicidade

- Ontem, logo após a corrida, eu ainda estava no calor do ocorrido, mas depois de ver de novo a cena contra Rubens me dei conta de que os comissários tinham razão em sua avaliação, a manobra foi dura demais.

continua após publicidade

O alemão acrescentou que "obviamente" não era sua intenção pôr Barrichello em perigo. Schumacher fechou Rubinho contra o muro na reta, quando o piloto da Williams tentava ultrapassá-lo, a cinco voltas do final, para ficar com a décima posição, que rende um ponto, e quase causou um grave acidente.

O veterano de 41 anos acabou sendo punido pelos comissários da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) com a perda de dez posições no grid de largada da próxima corrida, que será disputada na Bélgica, no próximo dia 29.

continua após publicidade

Longe de aceitar que tinha atuado incorretamente, o piloto da Mercedes afirmou após a corrida que tinha deixado espaço suficiente ao brasileiro e ironizou a situação.

continua após publicidade

- Afinal de contas, assim é a F-1, não se trata de uma saída no carro para tomar um café.

"Copyright Efe - Todos os direitos de reprodução e representação são reservados para a Agência Efe."