Mais lidas
Esportes

Andrés Sanchez deixa futebol do Corinthians e mira CBF

.

CAMILA MATTOSO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ex-presidente e atual superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez, já anunciou internamente seu afastamento das decisões do futebol.
O foco do cartola a partir de agora é dar início a uma forte articulação para conseguir chegar à CBF.
Em 2014, nas eleições para presidente da entidade, o dirigente chegou a fazer parte de um movimento de oposição. O grupo, porém, não conseguiu o número de apoio exigido pelo estatuto e não formou chapa.
Deputado federal pelo PT de São Paulo, Sanchez sabe que precisa ter ao seu lado as federações, parte importante do colégio eleitoral da CBF. Ouviu esse conselho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de quem é amigo pessoal, e o segue de forma determinada desde então.
Desde o início da crise da Fifa e da CBF, Andrés ouve pedidos para que se candidate à CBF --alguns deles presenciados pela reportagem.
Há quem duvide, porém, que o ex-presidente conseguirá se afastar de fato do Corinthians. Em sua sala no Parque São Jorge, ele passou o ano de 2015 dando as cartas, com relação sempre muito próxima de Edu Gaspar, gerente de futebol, e Eduardo Ferreira, diretor adjunto.
Procurado, Andrés afirmou que se distanciou das decisões desde a conquista do hexacampeonato, mas não respondeu sobre a CBF.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber