Mais lidas
Esportes

Convocação de Cássio por Mano causou polêmica em 2012

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Grande novidade da lista de Dunga para os jogos contra Argentina e Peru, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, Cássio volta à seleção em uma situação bem mais tranquila do que quando figurou pela primeira vez na lista do técnico Mano Menezes, em 2012. Naquela oportunidade, o arqueiro corintiano teve de ouvir insinuações de que foi convocado porque tinha o mesmo empresário de Mano.
Porém, o que pouca gente lembra, é que não foi seu ex-técnico no Corinthians quem lhe deu a primeira oportunidade com a camisa verde e amarela. Destaque em torneios de categoria de base, o corintiano foi chamado pela primeira vez para seleção principal justamente por Dunga, em 2007.
Depois de ir muito bem no Mundial sub-20 daquela temporada, o goleiro foi convocado pelo atual treinador da seleção para substituir o lesionado Helton, então goleiro do Porto. Na época, ele foi chamado para ser observado por uma vaga nas Olimpíadas de 2008, em Pequim. Os amistosos eram contra Chile e Gana.
Ele foi reserva de Júlio César, então na Inter de Milão. Cássio fez companhia a nomes como Ilsinho, Edu Dracena, Lúcio, Josué, Dudu Cearense, Ronaldinho e Fred. O goleiro ainda reencontrará com três remanescentes daquela chamada: Daniel Alves, Kaká e Ricardo Oliveira.
O tempo passou. Cássio acabou ficando de fora da lista das Olimpíadas e viu Renan e Diego Alves ocuparem seu lugar. Somente cinco anos depois da primeira convocação voltou a figurar em uma lista da seleção principal.
Em 2012, quando o técnico era Mano Menezes, Cássio foi convocado para disputar lugar com Jefferson e Diego Alves em amistosos no Brasil. Também foi preterido, não chegou a atuar, mas teve seu nome nas manchetes após uma crítica de Romário.
No início de sua fase polêmica, o hoje senador disse que a convocação de Cássio deveria ser investigada. Ele trabalhava com Carlos Leite, que também agenciava o treinador.
"E, agora, o goleiro do Corinthians, que tem seus direitos econômicos ligados a pessoas da Confederação Brasileira de Futebol... após a convocação e alguns jogos pela Seleção, se já não foi, será vendido para o Roma. Quem leva?", disse o Baixinho na época.
De volta à seleção três anos depois, Cássio chega ao grupo em um dos momentos mais possíveis de ganhar uma chance. Dunga já testou três goleiros diferentes nos últimos quatro jogos e mostrou que tem dúvida para a camisa 1.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber