Mais lidas
Esportes

Brasileiros voltam a pontuar com Massa em 4º e Nasr em 6º na Rússia

.

TATIANA CUNHA
SOCHI, RÚSSIA (FOLHAPRESS) - Depois de passar em branco na última etapa do Mundial de F-1, a dupla de brasileiros na categoria voltou à zona de pontuação neste domingo (11), e em grande estilo.
Tendo largado em 15º, Felipe Massa completou o GP da Rússia em quarto e Felipe Nasr, que partiu do 12º posto, foi o sexto colocado, dando ao país seu segundo melhor resultado nesta temporada.
A melhor apresentação da dupla até aqui foi na prova de abertura do Mundial, o GP da Austrália, quando Massa foi o quarto e Nasr, o quinto.
"Foi um resultado bastante positivo e pra ser honesto, melhor do que eu esperava. Acabei tendo um pouco de sorte, mas isso também faz parte", afirmou Massa, que foi o único piloto da Williams a marcar pontos em Sochi, já que Valtteri Bottas, que vinha lutando pelo terceiro posto envolveu-se em uma batida com o ferrarista Kimi Raikkonen e teve de abandonar a prova na penúltima volta.
"Vimos meu companheiro fazer uma excelente classificação [foi terceiro] e realmente foi uma pena eu ter tido problemas no sábado porque esta era uma corrida para ter chegado no pódio", completou Massa -Lewis Hamilton venceu o GP da Rússia, seguido por Sebastian Vettel e Sergio Perez.
Ainda mais contente do que Massa ao final da prova em Sochi, Nasr festejou bastante seu segundo melhor resultado na temporada.
"Foi uma corrida muito boa para a gente, especialmente a primeira parte, quando meu carro estava com um equilíbrio excelente com os pneus mais macios. No final acabei contando com um pouco de sorte porque vários carros na nossa frente não completaram a corrida, mas o importante é que eu soube aproveitar a oportunidade quando ela apareceu", afirmou o brasileiro.
Em Sochi, Nasr deu início à parceria com um novo engenheiro, novidade que, segundo ele, já rendeu frutos na primeira oportunidade.
"Acho que até demoramos um pouco para fazer a troca, mas foi uma decisão em conjunto com a equipe. Eles entenderam meus motivos e já começamos com o pé direito. Sei que ainda temos muito trabalho a fazer pela frente, mas o importante é que o carro voltou a ser do jeito que eu gosto", completou Nasr.
Assim como Massa, o brasileiro foi o único piloto de seu time a pontuar na Rússia. Seu companheiro de Sauber, Marcus Eriksson, bateu logo após a largada com Nico Hulkenberg e abandonou a prova.
"Fiquei muito feliz em marcar estes pontos porque sabemos que nossa situação não é fácil e isso serve como incentivo para o pessoal trabalhar ainda mais pensando no carro do ano que vem. Sabemos que quanto mais pontos fizermos, melhor, então o importante é continuar aproveitando as oportunidades que surgirem."

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber