Mais lidas
Esportes

Ronaldo diz que não se surpreende com casos de corrupção na Fifa

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-jogador Ronaldo disse nesta segunda-feira (28) que os escândalos de corrupção envolvendo a Fifa não o surpreendem. A entrevista foi dada ao canal de TV ESPN Brasil.
"Não me surpreende que o sistema tenha caído em nível mundial. Muita gente vai cair. É importante as autoridades estarem buscando as informações, sincronizando essa rede de informações", afirmou.
Na sexta-feira, as denúncias atingiram diretamente o presidente da Fifa, Joseph Blatter, após a Procuradoria-Geral da Suíça abrir uma ação criminal contra ele.
Blatter corre o risco de ser suspenso da entidade, assim como o presidente da Uefa e candidato à sucessão na entidade máxima do futebol, Michel Platini. Contra o francês pesa a suspeita de que ele tenha recebido irregularmente 2 milhões de francos suíços em 2011.
Sobre o momento político vivido pelo futebol brasileiro, Ronaldo disse confiar nas investigações da CPI do Futebol, presidida por Romário e atualmente em andamento no Senado.
"Vai exigir uma renovação. Temos muitos problemas aqui. A CPI do futebol parece ser uma coisa muito séria, vai aprofundar as investigações", afirmou.
Em 2011, Ronaldo passou a integrar o Comitê Organizador Local da Copa do Mundo, participando de várias atividades junto a membros da Fifa.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber