Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Santos vence o Figueirense na Copa do Brasil

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Aos 19 minutos do primeiro tempo, o Santos abriu o placar em Florianópolis. Gabriel, após falta cobrada por Lucas Lima, balançou a rede do Figueirense e comemorou.
Mas o gol da vitória santista por 1 a 0, do próprio Gabriel, só valeu mesmo quando marcado de pênalti uma hora de jogo depois.
A polêmica na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil começou cerca de um minuto depois do primeiro gol de Gabriel. O árbitro Anderson Daronco consultou o auxiliar Alessandro Rocha de Matos e foi anotado impedimento do atacante santista.
A demora levantou a suspeita de que houve ajuda externa à arbitragem -a transmissão da Fox Sports mostrou que a marcação foi correta. O técnico Dorival Júnior, imediatamente, reclamou. Assim como Gabriel. "Eles não anularam na hora, eles não tinham certeza, acho que alguém falou para eles que estava impedido", disse o atacante, que recebeu cartão amarelo pela reclamação.
Há duas semanas, a CBF anunciou que pediu à Fifa autorização para usar o vídeo para auxiliar a arbitragem em campo. O uso ainda não foi autorizado.
Na sequência do primeiro tempo, o Santos continuou melhor. Gabriel ainda fez outro gol, mas a jogada foi anulada antes de ele concluir a jogada.
No segundo tempo, apesar da melhora no desempenho do Figueirense, o Santos continuou criando mais oportunidades para vencer.
O jogo estava morno até que, aos 31 minutos, o árbitro marcou pênalti de Leandro Silva em Gabriel.
O próprio atacante bateu e marcou o gol da vitória aos 33 minutos do segundo tempo. Agora, o Santos tem grande vantagem para ao jogo de volta.
A segunda partida entre as equipes acontece na próxima quinta-feira (1º), às 21h, no Pacaembu. Quem passar encara o vencedor do duelo entre São Paulo e Vasco.
FIGUEIRENSE
Alex Muralha; Leandro Silva, Thiago Heleno, Bruno Alves e Marquinhos Pedroso; Dener (Jefferson) (Rafael Bastos), João Vitor, Fabinho e Yago; Clayton e Marcão (Thiago Santana)
T.: Hudson Coutinho
SANTOS
Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima (Serginho); Gabriel, Marquinhos Gabriel (Marquinhos) e Ricardo Oliveira (Nilson)
T.: Dorival Júnior
Estádio: Orlando Scarpelli, em Florianópolis
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Gol: Gabriel, aos 33 min do 2º tempo
Cartões amarelos: Leandro Silva (F), Gabriel e Victor Ferraz (S)
Público: R$ 172.590,00
Renda: 9.212

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber