Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Acusado na morte de jornalista, jogador é detido no Azerbaijão

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Acusado de envolvimento na morte do jornalista Rasim Aliyev, ocorrida no último domingo (9), o meia Javid Huseynov, 30, capitão do FC Qabala e jogador da seleção do Azerbaijão, foi detido nesta terça-feira (11).
O anúncio foi feito pelo Ministério do Interior do Azerbaijão. Na semana passada, na partida contra o Apollon, pela fase eliminatória da Liga Europa, Huseynov entrou em campo com uma bandeira da Turquia, país que ocupa militarmente um terço do território do país do adversário, o Chipre.
O jornalista condenou a ação do capitão, afirmando que um jogador tão mal educado não podia representar o Azerbaijão nos gramados da Europa. Na mesma data, Huseynov exigiu que Aliyev fizesse uma retratação, o que não ocorreu.
Em seguida, o primo do jogador, Ismaílov, e mais quatro pessoas marcaram um encontro e foram até o jornalista para agredi-lo.
No último domingo, o repórter morreu por conta de uma hemorragia interna causado por vários ferimentos.
Segundo o Ministério do Interior, Huseynov sabia as intenções do primo e pode pegar até três anos de cadeia pelo envolvimento no caso.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber