Mais lidas
Esportes

Italiano conquista ouro em Kazan e faz pedido de casamento no pódio

.

PAULO ROBERTO CONDE, ENVIADO ESPECIAL
KAZAN, RÚSSIA - (FOLHAPRESS) - Uma cena insólita chamou a atenção na hora da premiação da prova masculina de 25 km no Mundial de Kazan, na Rússia, neste sábado (2).
O italiano Simone Ruffini, vencedor após 4h53min10s7 de disputa, sacou do bolso um cartaz assim que recebeu a medalha de ouro. No papel, feito à mão, lia-se: "Aurora mi vuoi sposare" (Aurora, casa comigo? -em português).
O pedido de casamento se dirigia à também maratonista aquática Aurora Ponselè, que competiu na prova dos 10 km na última terça-feira (28) e foi 22ª.
"Fiquei muito surpresa", afirmou Aurora, repleta de dificuldade para falar em inglês. A resposta foi afirmativa.
Ambos estão juntos há seis anos e, após o pedido inesperado, trocaram inúmeros beijos na zona mista, área destinada a rápidas entrevistas com os atletas. Também foram festejados por compatriotas.
A energia que Ruffini demonstrou no pódio e depois não condiz com o sofrimento que teve na prova. Ele venceu, à frente do norte-americano Alex Meyer (prata) e de seu conterrâneio Matteo Furlan (bronze), mas com dificuldades.
Ele contou que chegou a vomitar duas vezes entre a quinta e sétima voltas do percurso devido a um problema estomacal. Um remédio providenciado pelo médico da delegação italiana o recuperou.
"Estou muito contente e desejo dedicar essa medalhas a muitíssimas pessoas, mas sobretudo a minha namorada Aurora Ponselè. Eu a vi e já estava chorando. Que felicidade!", disse o italiano.
O brasileiro Allan do Carmo, que participou da prova, terminou na 16ª posição.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber