Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Com gol do meio de campo, Ponte Preta bate Chapecoense no Brasileiro

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - No Moisés Lucarelli de portões fechados, a Ponte Preta não deu chance e bateu a Chapecoense por 3 a 1 na noite deste sábado (30). O clube de Campinas foi melhor durante toda a partida, e conseguiu uma vitória quase tranquila (sofreu um gol no final) diante de um adversário que pouco atacou e ainda teve um jogador expulso na segunda etapa.
Com o resultado, a Ponte segue surpreendendo neste início de Brasileirão e assume, de forma provisória, a liderança da competição, com oito pontos. Às 21h o Atlético-PR, que visita o Joinville, pode chegar a nove pontos e ficar com a ponta. O lance da partida foi um golaço de Renato Cajá, por cobertura, quase do meio de campo já nos acréscimos da segunda etapa.
A Chapecoense fica estacionada nos seis pontos, em posição intermediária na tabela. Terá a chance de se recuperar do tropeço na próxima quarta-feira, quando recebe em casa o Joinville.
O JOGO
A Ponte Prete saiu na frente logo no comecinho da partida, com Tiago Alves marcando após cruzamento de Renato Cajá. O time de Campinas administrou o resultado e criou outras oportunidades, sempre com a participação de Cajá.
Já a Chapecoense até tentou tocar a bola, mas foi pouco efetiva e só deu o primeiro susto aos 42 minutos, em chute de Roger, defendido por Marcelo Lomba.
Logo nos primeiros minutos da segunda etapa, outro gol, agora de falta. Biro-Biro bateu com categoria e ampliou para a Ponte.
A partir do cartão vermelho de Apodi, ficou fácil para a Ponte, que administrou o resultado e por pouco não ampliou em um chute para fora de Borges. Gil diminuiu no finalzinho, mas Renato Cajá, do meio de campo, fez o terceiro da Ponte e matou o jogo já nos acréscimos.
PONTE PRETA
Marcelo Lomba; Rodinei, Tiago Alves, Pablo e Gilson; Fernando Bob, Josimar e Renato Cajá; Biro Biro, Rildo (Felipe Azevedo) e Diego Oliveira (Borges). T.: Guto Ferreira
CHAPECOENSE
Danilo; Apodi, Rafael Lima, Vilson e Dener; Elicarlos, Bruno Silva (William Bárbio), Gil e Hyoran (Abuda); Ananias (Wagner) e Roger. T.: Vinícius Eutrópio
Gols: Tiago Alves , aos 5min do primeiro tempo; Biro Biro, aos 2min, Gil, aos 42 min, e Renato Cajá, aos 47min do segundo tempo
Cartões vermelhos: Apodi (C)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Estádio: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber