Esportes

Ganso e Robinho não jogam clássico contra o Palmeiras

Da Redação ·
 O meia Ganso passou por artroscopia no joelho direito há três semana
fonte: googleimagens.com
O meia Ganso passou por artroscopia no joelho direito há três semana

Paulo Henrique Ganso e Robinho vão desfalcar o Santos no clássico contra o Palmeiras, na volta do Campeonato Brasileiro, quinta-feira da semana que vem, no Pacaembu. O meia passou por artroscopia no joelho direito há três semanas e embora a previsão para a sua recuperação fosse de 20 a 30 dias, ele ainda não foi liberado para participar de treinos com bola.

continua após publicidade

Já Robinho retornou da África do Sul no domingo, reapresentou-se ao Santos no dia seguinte e foi liberado para descansar até a próxima segunda-feira. Ontem (8), Dorival Júnior confirmou que os dois estão fora da primeiro jogo do Brasileirão após o recesso para a Copa do Mundo.

continua após publicidade

A esperança da comissão técnica é de que Paulo Henrique Ganso tenha condições para ser escalado no primeiro encontro contra o Vitória pela decisão da Copa do Brasil, dia 28, na Vila Belmiro. No começo da semana, ele correu, sem forçar, em volta dos campos do CT Rei Pelé, até fez exercícios físicos com bola, mas depois voltou a fazer apenas tratamento de fisioterapia e exercícios em aparelhos.

continua após publicidade

Com relação a Robinho, ainda há dúvida sobre a sua escalação para os quatro jogos pelo Campeonato Brasileiro antes da decisão da Copa do Brasil. Até o primeiro jogo com o Vitória, o Santos vai enfrentar Palmeiras (dia 15), Fluminense (18), Atlético-PR (21) e São Paulo (25). Depois do segundo jogo contra o Vitória, dia 4 de agosto, em Salvador, terminará o empréstimo de Robinho, que deve voltar para o Manchester City.

O Santos vai realizar o segundo e último amistoso da intertemporada, contra o XV de Piracicaba, nesta sexta-feira, às 20 horas, em Piracicaba. Após o treino técnico desta quinta, Dorival Júnior confirmou o time que começará o jogo com: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Arouca, Wesley, Marquinhos e Madson; Neymar e André.