Mais lidas
Esportes

Palmeiras iniciará Paulista com escalação de jogo contra clube chinês

.

SÃO PAULO, SP - Oswaldo de Oliveira pretende começar o Campeonato Paulista com a mesma equipe que ele irá escalar neste sábado (17), no amistoso contra o Shandong Luneng (CHI), na arena do Palmeiras. 

O treinador deve usar seis dos novos reforços trazidos pelo clube na temporada: Lucas, Vitor Hugo, Zé Roberto, Amaral, Gabriel e Leandro Pereira. 

Treze jogadores foram contratados até agora e mais dois (Jackson e Allan Patrick) devem ser anunciados oficialmente nos próximos dias. 

"Os outros atletas ainda têm situação legal para ser resolvida e estão se preparando. Na sequência vamos integrá-los. Aí sim, com todo mundo, vamos ver essa química", disse Oswaldo em entrevista coletiva nesta sexta-feira (16), na Academia de Futebol. 

Vindo do Grêmio, Zé Roberto atuará como lateral esquerdo, mas pode assumir a função de meia quando necessário, de acordo com o técnico alviverde. 

Durante o treino da manhã desta sexta (16), o time principal foi composto por Fernando Prass; Lucas, Tobio, Vitor Hugo e Zé Roberto; Amaral, Gabriel, Mendieta e Allione; Maikon Leite e Leandro Pereira. 

O novo comandante palestrino afirmou estar "bastante motivado" nesse início de temporada devido à formação do novo elenco e não vê a hora de estrear na nova arena do Palmeiras. 

"O estádio é muito bonito. Dos que eu conheci aqui, é o único que faz frente ao Maracanã." 

"Além da arena, temos uma motivação grande, porque o clube tem contratado muitos jogadores. Isso nos faz acreditar que a equipe fará uma temporada muito boa", acrescentou Oswaldo.


CUCA

De volta ao Brasil para a disputa de amistosos, Cuca não acredita em vitória do Shandong Luneng, time chinês do qual é treinador, diante do Palmeiras, no sábado (17), no estádio do clube alviverde.

"Jogamos a última partida dia 22 de novembro, quando fomos campeões, e nos apresentamos segunda-feira (12). Os jogadores ainda estão no fuso horário. Na nossa cidade, a temperatura está negativa. Aqui são 30 e tantos graus, o pessoal está derretendo", disse o técnico em entrevista coletiva nesta sexta (16), na Academia de Futebol. 

"Temos oito atletas servindo a seleção chinesa. O Shandong não vem em busca de resultado. Vem em busca de aprendizado, experiência que vai nos servir ao longo do ano", acrescentou. 

De acordo com Cuca, os estrangeiros mais conhecidos que atuam na equipe da China, como Montillo, Vagner Love e Aloísio, devem começar como titulares, embora não estejam na melhor forma física. 

Durante a coletiva, concedida em conjunto com Oswaldo de Oliveira, técnico do Palmeiras, Cuca disse que Diego Tardelli está muito próximo de acertar contrato com o Shandong. 

"Se pudesse desviar o Tardelli para cá seria ótimo. Até podemos conversar", brincou Oswaldo.

"O Alexandre [Mattos, diretor executivo do Palmeiras] é malucão, ele leva mesmo! Lá no Cruzeiro fechava uma contratação por dia. É melhor esperar para anunciar o Tardelli", rebateu Cuca, aos risos. 

"Tenho cinco estrangeiros, se chegar o Tardelli tenho que abrir mão de um. Entre hoje [sexta] e amanhã [sábado] deve finalizar o vínculo dele. Aí entra o processo da diretoria", explicou. 

Com contrato de mais dois anos com o Shandong Luneng, o ex-treinador do Atlético-MG ainda não fala em retornar ao Brasil, embora admita que a adaptação na China é complicada. 

"No primeiro ano em que eu estive lá, a gente conseguiu ser campeão, e isso nos dá ânimo. O que é bom é na China é o dia a dia no campo, os treinos, os jogos. Fora isso, a vida é muito difícil."

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber