Esportes

Esquiva domina e bate rival experiente no MMA

Da Redação ·
Esquiva não teve dificuldade para conquistar sua sexta vitória no boxe profissional (Foto: Mikey Williams / Top Rank)
Esquiva não teve dificuldade para conquistar sua sexta vitória no boxe profissional (Foto: Mikey Williams / Top Rank)

Com extrema facilidade, Esquiva Falcão conquistou sua sexta vitória no boxe profissional, mantendo a invencibilidade na categoria. O pugilista capixaba esteve longe de passar sufoco contra o americano Lany Dardar, atleta com experiência no MMA, e foi superior durante todo o combate, válido pelos pesos-médios, disputado na noite deste sábado (madrugada de domingo no Brasil) em Glendale, Califórnia (EUA). Medalhista olímpico de prata em Londres 2012, o brasileiro venceu por nocaute técnico no quinto round. 

continua após publicidade

- Vitória por nocaute!!! Obrigado a todos pela torcida. Essa vitória não é só minha, a vitória é nossa. Estou muito feliz com meu desempenho no ringue. Hoje eu termino o ano de 2014 com 100% de aproveitamento no boxe profissional. São seis lutas, seis vitórias e quatro delas por nocaute - comemorou Esquiva, em postagens nas redes sociais.

Derrotado pelo brasileiro, Dardar iniciou no boxe profissional e no MMA no mesmo ano, em 2009. Ele também teve uma passagem pelo kickboxing, mas atualmente alterna entre o pugilismo e o MMA.

continua após publicidade

Invicto no boxe profissional, Esquiva encerrou o calendário de lutas neste ano. Em 2015, o capixaba dará um passo à frente e vai encarar lutas de oito rounds, ao contrário de seis assaltos, como foi programado o duelo contra Dardar. É possível que o medalhista olímpico venha a fazer seis lutas no ano que vem, sendo uma delas no Brasil.

A luta

Esquiva não perdeu tempo ao imprimir desde cedo o ritmo da luta. Primeiro ele buscou desgastar o adversário com golpes na linha de cintura para então tentar surpreendê-lo com. No segundo round, Dardar já apresentava um corte no nariz e cada vez mais era dominado pelo brasileiro. Por vezes desorientado, o americano conseguiu se segurar no assalto e travou uma trocação mais equilibrada no round seguinte.

No início do quarto estágio da luta, Esquiva entrou com um golpe que jogou longe o protetor bucal do adversário. Dardar mais uma vez se manteve em pé, apesar da sequência do capixaba. No final do round, novamente o americano perdeu a proteção para os dentes. Depois de tanto ser espancado, principalmente na linha de cintura, Dardar acusou o golpe durante uma trocação ao se abaixar, e o árbitro deu por encerrado o confronto, por nocaute técnico.