Esportes

Apucaranense vence última etapa do nacional de Drift Trike

Da Redação ·

Oito pilotos da equipe DTA-Stroke, de Apucarana, participaram da última etapa do Nacional de Drift Trike. A competição foi disputada no último final de semana no morro do Mariscal, em Bombinhas, Santa Catarina. Novamente, a equipe apucaranense voltou com troféu na bagagem. Na etapa de Bombinhas, o piloto Rodrigo de Oliveira Barbosa ficou em primeiro lugar na categoria máster.

continua após publicidade

A última etapa do Nacional de Drif Trike teve a participação de pilotos de vários estados brasileiros, totalizando 205 inscritos. A competição foi disputada em quatro categorias: infanto-junvenil (até 16 anos), feminino, máster (a partir de 35 anos) e categoria PRO.

Representaram Apucarana os pilotos Rodrigo Dime, Willian Marcondes, Igor Marcondes, Herrero Junior  (categoria PRO), Rodrigo Barbosa de Oliveira (categoria MASTER) e Renata Garcia  (categoria Feminino). “A pilota Renata Garcia, que recentemente venceu o campeonato estadual, saiu na semifinal pois sofreu um tombo, mas nada de grave. Que parabenizar todos os pilotos que participaram da  Etapa de Bombinhas”, frisa Rodrigo Barbosa (Dime), presidente do Drift Trike Apucarana Stroke.

continua após publicidade

Apucaranense vence última etapa do nacional de Drift Trike - Foto: Divulgação

Dime explica que os veículos, chamados simplesmente de trikes, utilizam aro, garfo e guidão de bicicleta bmx na parte dianteira e duas rodas de plástico na traseira, que podem ser de PVC ou polietileno. O assento é um banco de plástico com formato de concha e a frenagem em geral é feita através das manobras e também com os pés, apesar de muitos modelos utilizarem conjunto de freio na roda da frente. Tradicionalmente, eles são utilizados na descida de ladeiras com curvas, local aonde os pilotos vão derrapando de um lado para o outro.