Esportes

Felipe França faz melhor tempo do ano nos 100m peito

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Felipe França faz melhor tempo do ano nos 100m peito
fonte: Foto: arquivo
Felipe França faz melhor tempo do ano nos 100m peito

O nadador Felipe França brilhou nesta quinta-feira na eliminatória dos 100 metros peito no Troféu José Finkel, disputado em piscina curta, de 25 metros, em Guaratinguetá (SP). Ele bateu dois recordes sul-americanos na mesma prova, obteve o índice para o Mundial, registrou o melhor tempo do ano na prova e ainda se aproximou da melhor marca mundial.

Com o tempo de 56s25, ele superou o próprio recorde sul-americano, que era de 56s49, registrado em novembro de 2009. A melhor marca veio também nos 50 metros ao registrar 26s21 na virada, deixando para trás novamente outro tempo que era seu - 26s27.

Na lista do ano, França cravou o melhor tempo até agora pertencia ao húngaro Daniel Gyurta, com 57s04. Com esta marca, assegurou com tranquilidade vaga no Mundial em Piscina Curta de Doha, no Catar, em dezembro. De quebra, o brasileiro ficou perto do recorde mundial, de 55s61, do sul-africano Cameron Van der Burgh.

"Não esperava fazer esse tempo logo agora de manhã. Forcei a passagem (virada) e creio que de tarde pode ser melhor", surpreendeu-se o nadador, que já pensa em tentar a marca mundial na final, à tarde.

O nadador encara o grande desempenho como uma volta por cima, após decepcionar nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. "Eu vou por etapas e depois das Olimpíadas de Londres sofri bastante. Passei por reflexões sobre o que podia melhorar, o que deu certo, o que deu errado e amadureci bastante. Essa foi a primeira etapa. A segunda foi perseverar para não desistir", afirmou.

França não foi o único a bater recorde sul-americano nesta manhã. Etiene Medeiros cravou nova marca nos 50 metros costas, com o tempo de 26s58, superando tempo anterior de Fabíola Molina (26s81). A marca de Etiene é a quarta melhor da temporada na prova, o que garante seu índice para o Mundial.

"Nadei bem. Eu estava pensando neste recorde. Estou tentando melhorar sempre que caio na água nesta competição e, se estou conseguindo, porque não tentar o melhor resultado logo de manhã? Estou bem feliz e aproveitando demais a boa fase", comemorou Etiene, de 23 anos.

Leonardo de Deus também obteve índice nesta quinta, ao registrar 1m53s11 nos 200 metros borboleta, abaixo do 1m53s91 exigido para entrar no Mundial.

continua após publicidade