Esportes

Após rusgas entre pilotos, Mercedes diz que foco agora é o GP da Itália

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Após rusgas entre pilotos, Mercedes diz que foco agora é o GP da Itália
fonte: Foto: arquivo
Após rusgas entre pilotos, Mercedes diz que foco agora é o GP da Itália

MARSELHA, FRANÇA - Depois de duas corridas sem colocar um de seus pilotos no lugar mais alto do pódio e de ter visto a disputa entre Lewis Hamilton e Nico Rosberg materializar-se em uma batida na segunda volta do GP da Bélgica de F-1, a Mercedes quer usar o GP da Itália, que será disputado neste domingo (7), às 9h (de Brasília), para esquecer tudo isso.

continua após publicidade

"Depois de tudo o que aconteceu em Spa, nossa atenção agora está totalmente focada em Monza. Temos um carro rápido, mas não mostramos nosso potencial nas duas últimas corridas e este deve ser nosso objetivo para este final de semana", afirmou Toto Wolff, chefe da equipe alemã.

Depois do imbróglio entre seus pilotos há dez dias, o dirigente reuniu-se com eles na última sexta-feira em Brackley, na fábrica da Mercedes, para acertar os ponteiros e deixar claro que não será mais permitido que algo como o que aconteceu na Bélgica se repita em uma das sete corridas que ainda faltam para o encerramento do Mundial deste ano.

continua após publicidade

Rosberg foi punido com uma multa e se desculpou publicamente. Hamilton aceitou as desculpas e preferiu não entrar em polêmica dizendo que não havia um único culpado.

"Spa foi um alerta para nós, como time, de que nossos adversários nunca estão longe o suficiente e precisamos continuar a encarar cada final de semana como se fosse um momento decisivo da temporada", completou o dirigente, que nas últimas duas etapas viu a vitória ficar com Daniel Ricciardo, da Red Bull.

Com os triunfos na Bélgica e na Hungria, mais a vitória no Canadá, em junho, Ricciardo já começou a se aproximar perigosamente da dupla da Mercedes.

continua após publicidade

Rosberg lidera o campeonato com 220 pontos, seguido por seu companheiro, Hamilton, com 191. O australiano é o terceiro colocado, 35 pontos atrás do piloto da Mercedes.

Os primeiros treinos livres para o GP da Itália, última etapa da F-1 em solo europeu em 2014, acontecem nesta sexta-feira (5), a partir das 5h (de Brasília).