Esportes

Sem Neymar, Thiago e David mantém posição no ranking

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Sem Neymar, Thiago e David mantém posição no ranking
fonte: Foto: Cbf/ Divulgação
Sem Neymar, Thiago e David mantém posição no ranking

Afastado da Copa do Mundo após a lesão na terceira vértebra da região lombar da coluna, Neymar perdeu a chance de disputar o prêmio de melhor jogador do Mundial. Mesmo com quatro gols em cinco jogos, uma assistência e eleito o melhor da partida duas vezes, o camisa 10 do Brasil sequer figurou na seleção da Fifa que aponta os destaques do campeonato com base em estatísticas da competição.

continua após publicidade

Esse ranking não tem relação com a eleição do craque da Copa do Mundo, que será escolhido numa votação de jornalistas até o fim da disputa.   

Mas a ausência do craque nesta lista não significa que o Brasil não está representado. Desde o fim da primeira fase e também nas oitavas e quartas de final, David Luiz e Thiago Silva são os únicos comandados de Luiz Felipe Scolari presentes.

continua após publicidade

Entre os brasileiros, só David Luiz aparece na seleção da competição desde a rodada de abertura. Ao fim da primeira fase, Thiago Silva também já aparecia no time ideal da Fifa. Quando terminaram as oitavas, Neymar era o sexto melhor no geral, mas não integrava a seleção da Copa, já que era superado em pontos por Benzema, da França, e Robben, da Holanda, e o esquema usado na análise tem apenas dois atacantes. 

Decisivos na vitória por 2 a 1 sobre a Colômbia, com um gol cada e boa atuação, David e Thiago são as principais referências da Seleção após a perda de Neymar. Pilares que podem conduzir o time ao título. Suspenso pelo segundo cartão amarelo, Thiago não jogará a semifinal contra a Alemanha nesta terça-feira, no Mineirão, em Belo Horizonte, às 17h (de Brasília). Ainda assim, foi escalado por Felipão para estar ao lado dele na entrevista coletiva da véspera da partida.

David Luiz será o capitão na ausência do companheiro. O camisa 4, que já exerce importante liderança, foi eleito o melhor jogador da partida entre Brasil e Colômbia, nas quartas de final, e marcou um lindo gol de falta. O bom desempenho, no entanto, não garantiu a permanência do jogador na liderança do ranking da Fifa. Após as quartas de final, o defensor caiu do primeiro para o sétimo lugar. O atacante francês Karim Benzema tomou a ponta.