Esportes

Seleção brasileira deve mudar contra o Chile

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Seleção brasileira deve mudar contra o Chile
fonte: Foto: Rafael Ribeiro/ CBF
Seleção brasileira deve mudar contra o Chile

SÃO PAULO, SP - Após a boa impressão deixada pela goleada sobre Camarões na última rodada da fase de grupos, o Brasil deve entrar no mata-mata da Copa com novidades no time que enfrenta o Chile neste sábado (28), às 13h, no Mineirão. 

continua após publicidade

Depois das dificuldades para vencer a Croácia por 3 a 1 na estreia, em São Paulo, e não sair do 0 a 0 com o México, no Castelão, o Brasil mostrou bom futebol nas 4 a 1 sobre Camarões, em Brasília -especialmente no segundo tempo, após Paulinho dar lugar a Fernandinho. Agora, na fase eliminatória, o camisa 5 deve ser o novo titular.

Apesar de ter escalado Fernandinho no time principal durante todo o treino de quinta-feira, o técnico Luiz Felipe Scolari preferiu não confirmar a mudança. Tampouco citou quem está na frente na disputa pela vaga na lateral.

continua após publicidade

“Não sei o time que vai jogar, porque sempre tem um problema ou outro acontecendo. No treinamento pode estar acontecendo sempre um problema e não adianta definir, para depois redefinir”, afirmou Felipão hoje, na última entrevista coletiva antes do jogo decisivo. A precaução do treinador se deve a possíveis problemas de lesão -na quinta, David Luiz deixou o treino com dores e foi substituído por Dante, mas deve enfrentar o Chile.

O centroavante Fred elogiou a evolução da equipe. “Temos crescido na competição e assim será até chegarmos a final”, disse. Felipão também se mostrou satisfeito com o crescimento no desempenho da seleção.

“Acho que a equipe atualmente apresenta cerca de 80% do que aquela equipe apresentava na Copa das Confederações”, afirmou o treinador. Sobre o adversário de sábado, Felipão fez elogios ao colega Jorge Sampaoli e à aplicação tática dos chilenos.

continua após publicidade

“Penso que desde a chegada do Sampaoli a equipe teve uma nova dinâmica, uma performance muito melhor, os jogadores foram adaptados ao esquema perfeitamente”, afirmou o comandante brasileiro.

O time chileno também recebeu elogios do camisa 9 do Brasil. “O Chile tem jogadores rápidos e técnicos, principalmente no ataque e no meio campo, e alguns podem fazer a diferença”, declarou Fred.

Ao contrário de Felipão, o técnico do Chile não abriu os treinos de sua equipe aos jornalistas. Nesta sexta, novamente Sampaoli fez mistério e só permitiu a presença da imprensa por 15 minutos. Astro da equipe, o meia Vidal novamente não treinou diante dos repórteres, mas deve jogar. O zagueiro Medel, com dores, é dúvida.

continua após publicidade



BRASIL

Julio Cesar; Daniel Alves (Maicon), Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo e Fernandinho (Paulinho); Oscar; Hulk e Neymar; Fred. T.: Luiz Felipe Scolari

continua após publicidade


CHILE
Bravo; Medel, Jara e Silva (Valdivia); Isla, Diaz, Aranguiz, Vidal e Mena; Sanchez e Vargas. T.: Jorge Sampaoli


Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte

Horário: 13h

Árbitro: Howard Webb (Inglaterra)