Esportes

Fifa absolve México por gritos homofóbicos de torcida

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Fifa absolve México por gritos homofóbicos de torcida
fonte: Foto: Alex Régis/ SECOM
Fifa absolve México por gritos homofóbicos de torcida

RIO DE JANEIRO, RJ - A Fifa decidiu não punir o México por conta dos gritos homofóbicos praticados por torcedores da seleção na partida contra Camarões, pela primeira rodada da Copa do Mundo.

continua após publicidade

A entidade havia aberto um procedimento disciplinar contra o time azteca devido aos gritos de "puto" tradicionalmente usados por torcedores nas cobranças de tiro de meta do goleiro adversário.

"Não foram considerados insultosos [os gritos]. Foram desconsideradas quaisquer alegações contra o México", diz o comunicado da Fifa.

continua após publicidade

A absolvição significa, indiretamente, que o Brasil também não deve ser punido por comportamento semelhante.

Na partida contra o México, torcedores brasileiros imitaram o grito dos adversários.

O Brasil chegou a ser denunciado à Fifa por conta das ofensas, mas nenhum procedimento disciplinar foi aberto.