Esportes

Guerrero diz que Mano não o deixou jogar amistosos

Da Redação ·
Guerrero diz que Mano não o deixou jogar amistosos
fonte: Arquivo/TN
Guerrero diz que Mano não o deixou jogar amistosos


O atacante Paolo Guerrero revelou, em entrevista publicada pelo jornal peruano El Comercio nesta quinta-feira, que o técnico Mano Menezes não o autorizou a participar dos amistosos que a seleção do Peru fez contra Suíça e Inglaterra antes da Copa do Mundo. Sem viajar à Europa, jogou pelo Corinthians todas as nove partidas que a equipe já fez no Brasileirão.

"Meu clube não me deixou (ir para os amistoso). Meu treinador (Mano Menezes), me disse: 'veja, Paolo, não é data Fifa e aqui estamos disputando a liderança, então não vamos te deixar ir. Precisamos de você aqui", contou. "Pedi permissão, mas não pude estar com a seleção", lamentou.

Sem Guerrero, o Peru jogou contra a Inglaterra no dia 30 de maio e perdeu de 3 a 0. Depois, em 3 de junho, levou 2 a 0 da Suíça. Outro jogador que atua no futebol brasileiro e foi convocado para amistosos por times que não jogam a Copa, o atacante Marcelo Moreno se apresentou à seleção boliviana e desfalcou o Cruzeiro.

continua após publicidade