Esportes

Ronaldo: "Sobre os vândalos, tem que baixar o cacete neles"

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Ronaldo: "Sobre os vândalos, tem que baixar o cacete neles"
fonte: Foto: Arquivo
Ronaldo: "Sobre os vândalos, tem que baixar o cacete neles"

Membro do Comitê Organizador Local (COL), o ex-jogador Ronaldo participou nesta quinta-feira de uma sabatina promovida pelo jornal "Folha de S. Paulo", na qual conversou sobre diversos assuntos. Dentre eles, falou sobre Copa do Mundo, protestos e afirmou que é preciso "baixar o cacete" nos vândalos. O Fenômeno se refere aos confrontos que têm acontecido em manifestações pelo país, desde junho do ano passado, quando a população de várias cidades foi às ruas. Em muitas ocasiões, policiais e manifestantes entraram em choque, resultando em muitos feridos e depredações.

continua após publicidade

- Sobre os vândalos, acho que tem que baixar o cacete neles, tirá-los da rua, prendê-los.

Muito criticado por ter dito que Copa do Mundo não se fazia com hospitais, ao defender as obras para a competição no Brasil, Ronaldo defendeu os protestos, mas fez sua ressalva.

continua após publicidade

- Os protestos são sempre válidos. Os protestantes que vão às ruas exigir as coisas que a população tem direito. Mas no momento que tem vândalos mascarados, a polícia tem que conter. Acho que o povo brasileiro está em um momento de exigir coisas em diversos setores. Só que parece que acordou todo mundo e tem muitas opiniões soltas e um pega do outro e ninguém sabe para onde ir. 

Na semana passada, em entrevista à "Agência Reuters", Ronaldo disse estar envergonhado pela imagem que o Brasil está passando para o exterior com a organização da Copa. Diante da polêmica em torno das declarações, ele se explicou.

- Na entrevista para a Reuters, eu sinalizei as estruturas, e não os estádios, que eram as exigências para a Copa. Na entrevista, a minha vergonha é pela população, que esperava esses grandes investimentos, esse grande legado da Copa, para nós mesmo. Esperavam muito. E o mais prejudicado é a situação - completou Ronaldo.

continua após publicidade

Veja abaixo outros trechos da sabatina.

Flamengo ou Corinthians?

"Eu sou flamenguista e corintiano. Eu gosto dos dois. Talvez um pouco mais do Corinthians, porque eu joguei lá, e no Flamengo, não. Nunca recebi convite para jogar pelo Flamengo. Mas não tenho mágoa (do Flamengo)".

continua após publicidade

Romário

"O Romário? Não tenho nada a dizer. Não tenho nenhum comprometimento com o Romário. Espero que ele faça o papel dele como deputado, fazendo o que deve ser feito. Eu faço a minha parte. Mas eu não votaria nele (Romário)"

FOTO- Ronaldo fala sobre protestos: "Acho que tem que baixar o cacete nos vândalos" (Foto: Alice Vergueiro / Futura Press)