Esportes

Técnico da Espanha diz que não há esse problema na modalidade

Da Redação ·
"Não acredito que vá interferir na nossa participação no Mundial", afirmou o técnico
fonte: Foto: Arquivo/FolhaPress
"Não acredito que vá interferir na nossa participação no Mundial", afirmou o técnico

O técnico da seleção espanhola, Vicente del Bosque, disse acreditar que não há racismo no futebol, dois dias depois do ato racista contra o lateral direito Daniel Alves, do Barcelona, em jogo contra o Villarreal, válido pelo Campeonato Espanhol.

"Tem gente que utiliza o futebol para fazer propaganda de um assunto grave. Não creio que seja um problema da Espanha. São fatos isolados de algumas pessoas que se aproveitam deste esporte. No futebol não há racismo de forma geral", disse Del Bosque hoje.

O treinador espanhol também descartou a ideia de que o fato ocorrido com Daniel Alves possa refletir no recebimento da seleção espanhola no Brasil para a Copa do Mundo.

"Não acredito que vá interferir na nossa participação no Mundial", afirmou.

O jogador brasileiro foi vítima de um ato racista no jogo contra o Villarreal, no domingo. Na ocasião, enquanto se preparava para cobrar um escanteio, ele se abaixou, pegou uma banana atirada pelo torcedor e comeu a fruta.

continua após publicidade