Esportes

Massa fecha na ponta o último dia de testes em Jerez

Da Redação ·
Massa fecha na ponta o último dia de testes em Jerez (globoesporte.globo.com)
fonte:
Massa fecha na ponta o último dia de testes em Jerez (globoesporte.globo.com)

Depois de ficar com a vice-liderança na última quinta-feira, Felipe Massa voltou a mostrar força com a Williams ao fechar na ponta o último dia da primeira bateria de testes coletivos da Fórmula 1 de 2014, nesta sexta, no circuito de Jerez de la Frontera. O piloto brasileiro cravou o tempo de 1min28s229 e foi quase um segundo mais veloz do que o espanhol Fernando Alonso, seu ex-companheiro de Ferrari, que garantiu a segunda posição do dia com a marca de 1min29s145.

Animado com o desempenho do carro que começou a pilotar nesta semana pela sua nova equipe, Massa deu 86 voltas nos testes desta sexta na Espanha, enquanto o ídolo da casa foi quem mais andou no dia, com 115 giros ao total.

Os testes desta sexta voltaram a ter, como nos outros três dias de trabalhos da semana em Jerez, pilotos com motor Mercedes nas primeiras posições. Além do próprio Massa, o piloto reserva espanhol Daniel Juncadella, da Force India, o dinamarquês Kevin Magnussen, da McLaren, e o inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, ficaram respectivamente em terceiro, quarto e quinto lugares com carros empurrados por propulsores da montadora alemã.

Atrás deste grupo ficou o francês Jules Bianchi, da Marussia, sexto colocado, este com motor fornecido pela Ferrari. Andando por uma equipe que é considerada uma das nanicas da F1, ele se posicionou à frente de outros cinco pilotos que foram para a pista nesta sexta. O melhor deles foi o alemão Adrian Sutil, que assegurou o sétimo lugar com a Sauber.

O alemão Nico Rosberg, da Mercedes, o japonês Kamui Kobayashi, da Caterham, o russo Daniil Kvyat, da Toro Rosso, e o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, completaram, nesta ordem, o grupo dos últimos colocados.

A Red Bull, por sinal, voltou a enfrentar problemas nos testes de Jerez nesta sexta. Ainda sofrendo para se adaptar ao novo regulamento técnico da categoria, que passou a contar com motores turbo V6 nos lugares dos V8 aspirados, a equipe tetracampeã dos Mundiais de Pilotos e Construtores viu o australiano Daniel Ricciardo ficar com o 11º e último lugar ao conseguir completar apenas sete voltas na pista.

Os problemas que afetaram o carro de Ricciardo aconteceram já na primeira sessão do dia, realizada pela manhã, e a Red Bull acabou optando por não colocá-lo mais na pista após confirmar que o modelo RB10 sofria com um problema mecânico, que não poderia ser reparado a tempo da segunda parte dos treinos do dia.

Por causa dos problemas no motor Renault, o tetracampeão mundial Sebastian Vettel sequer conseguiu registrar tempo no primeiro dia de testes em Jerez, na terça-feira, e deu apenas oito voltas na quarta. Em seguida, na quinta, Ricciardo também não marcou tempo de volta após dar míseros três giros na pista espanhola.

Depois destes quatro dias de treinos em Jerez, a Fórmula 1 terá segunda bateria de testes coletivos no Bahrein, entre 19 e 22 de fevereiro. A primeira prova do Mundial de 2014 está marcada para 16 de março, em Melbourne, palco do GP da Austrália.

Confira a classificação dos treinos desta sexta-feira em Jerez:

1) Felipe Massa (BRA/Williams), 1min28s229 - 86 voltas
2) Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1min29s145 - 115 voltas
3) Daniel Juncadella (ESP/Force India), 1min29s457 - 81 voltas
4) Kevin Magnussen (DIN/McLaren), 1min30s806 - 100 voltas
5) Lewis Hamilton (ING/Mercedes), 1min30s822 - 41 voltas
6) Jules Bianchi (FRA/Marussia), 1min32s222 - 25 voltas
7) Adrian Sutil (ALE/Sauber), 1min36s571 - 69 voltas
8) Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1min36s951 - 91 voltas
9) Kamui Kobayashi (JAP/Caterham), 1min43s193 - 54 voltas
10) Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso), 1min44s016 - 9 voltas
11) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull), 1min45s374 - 7 voltas

continua após publicidade