Esportes

Palmeiras pega Paysandu em casa e precisa vencer

Da Redação ·
Se vencer o Paysandu, o Palmeiras do goleiro Marcos terá pela frente na Copa do Brasil o vencedor do confronto Atlético-PR x Sampaio Corrêa
fonte: Djalma vassão/Gazeta Press
Se vencer o Paysandu, o Palmeiras do goleiro Marcos terá pela frente na Copa do Brasil o vencedor do confronto Atlético-PR x Sampaio Corrêa

Eliminado do Campeonato Paulista, o Palmeiras terá uma missão tripla nesta quarta-feira (31), às 21h50 (horário de Brasília), diante do Paysandu: acabar com o jejum de maus resultados em seus domínios (duas derrotas e um empate nos últimos três jogos), garantir a vaga na sequência da competição e, com isso, salvar o primeiro semestre do desastre total.

continua após publicidade

O jogo, que será disputado no Palestra Itália, vale uma vaga às oitavas de final da Copa do Brasil. Para seguir adiante no torneio, o time dirigido por Antônio Carlos pode até perder por 1 a 0, pois venceu o primeiro duelo, em Belém, por 2 a 1. Uma nova derrota, porém, mesmo assegurando a classificação, pode causar uma ira incontrolável da torcida, que já não aguenta mais ver o time sair de casa sem um resultado satisfatório.
 

O técnico Antônio Carlos adotou um discurso simples para tentar levantar o ânimo dos atletas e não ver o semestre ser perdido com uma derrota para os paraenses.

continua após publicidade

- Estamos bem na Copa do Brasil e nosso pensamento tem que ser positivo. Criticas vão aparecer, mas o importante é seguir trabalhando. Nosso foco agora é apenas conquistar a classificação no torneio nacional.

Com o foco definido, Antônio Carlos tem de contornar problemas de lesão para montar um time forte. E fará alterações em quase todos os setores da equipe em relação àquela que entrou em campo no empate contra o Mirassol.

Na defesa, Marcos terá a companhia de Márcio Araújo, improvisado na lateral direita, Danilo, que volta após ser poupado, Léo e Eduardo, agora em sua posição de origem. No meio, Pierre ganha a ajuda de Edinho na marcação, enquanto Diego Souza retorna ao time juntamente com Ivo, escolhido para substituir Cleiton Xavier, lesionado e fora pelos próximos dez dias.

continua após publicidade

Na frente, Ewerthon foi novamente vetado pelo departamento médico e deve ser substituído por Vinícius. O lateral direito Vitor, ex-Goiás, não tem condições legais de jogo, pois já atuou na competição. Bruno Paulo, que veio do Flamengo, pode até ficar como opção no banco de reservas.

Sem poder contar com o meio-campista Fabrício, lesionado, o técnico do Paysandu, Charles Guerreiro, resolveu adotar o esquema 3-5-2, com Rogério Corrêa entrando no time para atuar ao lado de Paulão e Leandro Camilo no tripé defensivo.

O técnico Charles Guerreiro avisou que a equipe paraense tentará se aproveitar do mau momento vivido pelo Verdão para surpreender e deixar o Palestra Itália com a classificação à próxima fase.

continua após publicidade

O momento do Palmeiras não é bom e, de repente, dá até para tirar proveito desse tipo de situação, pois o momento do Paysandu é bom, principalmente depois de uma vitória. Temos que neutralizar o ponto forte do Palmeiras e já detectamos que ele está nas bolas paradas.

FICHA TÉCNICA:

continua após publicidade

PALMEIRAS X PAYSANDU

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 31 de março de 2010, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (RJ)
Assistentes: Hilton Moutinho Rodrigues (Fifa-RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ)

PALMEIRAS: Marcos; Márcio Araújo, Danilo, Léo e Eduardo; Pierre, Edinho, Diego Souza e Ivo; Vinícius (Bruno Paulo) e Robert
Técnico: Antônio Carlos Zago

PAYSANDU: Alexandre Fávaro; Paulão, Leandro Camilo e Rogério Corrêa; Allax, Tácio, Sandro, Marquinhos e Zeziel; Moisés e Didi
Técnico: Charles Guerreiro