Esportes

Palmeiras estreia cheio de problemas no Brasileirão

Da Redação ·
Na última quarta-feira, em Goiânia, o Palmeiras foi eliminado da Copa do Brasil
fonte: Agências
Na última quarta-feira, em Goiânia, o Palmeiras foi eliminado da Copa do Brasil

O Palmeiras começa o Brasileirão de 2010 como terminou a edição do ano passado: sob pressão. Após o fiasco em 2009, o time esperava novos ânimos para a atual disputa, mas o que se vê no clube são jogadores a cada dia mais cobrados pelo torcedor. Neste sábado, o desafio é contra o Vitória, a partir das 18h30, no Palestra Itália.

continua após publicidade

Na última quarta-feira, em Goiânia, o Palmeiras foi eliminado da Copa do Brasil pelo Atlético Goianiense, após perder na disputa por pênaltis - quatro jogadores erraram a cobrança (Danilo, Figueroa, Ivo e Cleiton Xavier). Além do fracasso na competição que era a prioridade palmeirense na temporada, a diretoria ainda tem de controlar um outro problema: Diego Souza.

continua após publicidade

Diego Souza não deve mais atuar no Palmeiras. Alegando dores na coxa direita, ele não enfrentou o Atlético em Goiânia. Além da suposta lesão (os próprios diretores palmeirenses acham que o atleta já está em condições de jogar), ele estaria de fora do jogo deste sábado pela suspensão que levou - pelos gestos obscenos à torcida, no primeiro jogo das quartas de final da Copa do Brasil, o meia foi punido pelo STJD por uma partida.

continua após publicidade

O cenário de hoje é realmente parecido ao do ano passado. A crise cerca o clube e os direitos de imagem estão constantemente atrasados. Em 2009, o Palmeiras liderou o campeonato por 19 rodadas e na reta final caiu de produção. No último jogo, perdeu para o Botafogo e nem a vaga na Libertadores conseguiu. Neste ano, após um fraco início no Paulistão, a diretoria trocou o técnico Muricy Ramalho por Antônio Carlos em busca de melhoras, mas nada mudou.

O time que enfrenta o Vitória vai ter novidades. Vitor estreia na lateral-direita e o zagueiro Leandro Amaro, outro recém-contratado, deve ficar no banco de reserva. O desfalque, além de Diego Souza, é o zagueiro Danilo, que foi suspenso por 11 jogos após confusão com Manoel, do Atlético Paranaense.