Esportes

Treino aberto encerra preparação do Atlético para final

Da Redação ·
Cuca encerrou a preparação do Atlético Mineiro para o primeiro jogo da final da Copa Libertadores com um treino aberto, nesta terça-feira, em Assunção. Sem surpresas, o treinador comandou treino técnico, seguido do "rachão", diante da torcida paraguaia, no Estádio do Sportivo Luqueño. O plano inicial do técnico era fazer o treino no Estádio Defensores Del Chaco, que receberá a partida contra o Olimpia, nesta quarta. Mas os planos foram alterados porque não seria permitido o uso de chuteiras. Com isso, o treino precisou ser transferido para o campo alternativo. Depois da surpresa com a impossibilidade de treinar no Defensores, a comissão técnica atleticana foi surpreendida com a torcida presente no Estádio do Sportivo Luqueño. Cuca pretendia comandar uma atividade fechada, pelo menos por alguns minutos, mas foi impedido pela presença de muitos torcedores que acompanharam o treino do Olimpia, antes da atividade realizada pelo Atlético. Apesar da rivalidade, os fãs do time paraguaio respeitaram os brasileiros e revelaram empolgação por alguns atleticanos. Ronaldinho e Bernard eram o centro das atenções. Embora tenha participado do treino, o jovem jogador está fora da final. Vai cumprir suspensão após levar o terceiro cartão amarelo na segunda partida da semifinal contra o Newell's Old Boys. Bernard deve ser substituído por Luan, que entrou no segundo tempo da partida contra os argentinos, na semana passada. Já o volante Leandro Donizete tenta se recuperar de lesão, mas ainda é dúvida para o jogo e o mais provável é que Josué seja acionado na vaga. Cuca deve escalar o Atlético nesta quarta com Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Richarlyson; Pierre, Josué (Leandro Donizete), Ronaldinho Gaúcho, Diego Tardelli e Luan; Jô.
continua após publicidade