Esportes

Clube vê em investidor solução para contratar zagueiro

Da Redação ·





Por Alessandro da Mata

SÃO PAULO, SP, 12 de julho (Folhapress) - O Corinthians busca no grupo investidor DIS a solução para contar com Cleber, ainda vinculado à Ponte Preta. O zagueiro já foi até aprovado em exames médicos pelo clube paulistano.

A esperança é de que o empresário Delcir Sonda e seus parceiros paguem cerca de R$ 5 milhões por 80% dos direitos econômicos do zagueiro. O Corinthians pretende arcar apenas com R$ 1,5 milhão referentes aos demais 20% e os direitos federativos.

Ontem, os dirigentes do clube alvinegro paulista optaram pelos contatos com o DIS tão logo souberam que o fundo investidor inglês Doyen Sports, apresentado pela Ponte Preta, é representado por Renato Duprat.

A recusa corintiana foi imediata porque Duprat intermediou o acerto do MSI com o Corinthians em 2004. Os principais representantes do fundo investidor, bem como o ex-presidente do clube e seu então vice, Alberto Dualib e Nesi Curi, foram denunciados por lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Os dirigentes do Corinthians à frente da negociação por Cleber não retornam às ligações da reportagem, tampouco integrantes do DIS.

O presidente da Ponte Preta, Márcio Della Volpe, está em São Paulo desde a manhã de hoje para dar fim ao imbróglio.
 

continua após publicidade