Esportes

Anderson Silva diz que não tentou se vangloriar sobre o rival

Da Redação ·





Por Eduardo Ohata, Enviado especial

LAS VEGAS, EUA, 7 de julho (Folhapress) - Anderson Silva, 38, que perdeu o cinturão dos médios para Chris Weidman, afirmou que não estava vangloriando sobre o inexperiente adversário quando abaixou a guarda, chamou o rival para atacá-lo e falou com o desafiante.

"Estava apenas tentando induzí-lo a fazer o que eu precisava que ele fizesse. Não estava me vangloriando", explicou. O rival concordou.

"Ele [Anderson] não queria aparecer. Ele estava tentando trabalhar meu lado psicológico. Mas eu ignorei e apenas me mantive pressionando", disse Weidman.
 

continua após publicidade