Esportes

Só título da Recopa aliviará pressão, diz Luis Fabiano

Da Redação ·
O atacante são-paulino Luis Fabiano afirmou nesta segunda-feira que somente o título da Recopa Sul-Americana, diante do Corinthians, será capaz de dar alívio imediato à pressão sobre ele e ao clube. O jogador chegou a estar perto de deixar o clube rumo ao futebol do exterior, mas garantiu que tudo isso será esquecido com uma vitória sobre o rival. O presidente do clube, Juvenal Juvêncio, afirmou após a eliminação na Copa Libertadores que Luis Fabiano poderia sair caso alguma boa proposta chegasse. A declaração chegou a criar mal estar com o jogador, que continuou no elenco mesmo com o interesse de clubes do futebol turco e grego. "Pela conversa com a diretoria ficou bem claro que as duas partes queriam a permanência", explicou o atleta. Agora ele vê o confronto com o Corinthians a chance de dar ao clube um recomeço na temporada após as eliminações na mesma semana tanto no Campeonato Paulista, diante do próprio rival, quanto na Copa Libertadores, contra o Atlético-MG. "Ano passado a gente viveu uma pressão parecida, porque todos os nossos rivais já tinham conquistado títulos, menos a gente. Em dezembro ganhamos a Sul-Americana e tudo se acalmou. Agora, com uma nova final, podemos conseguir a mesma tranquilidade", afirmou. "Ao nosso time realmente tem faltado algo a mais. Às vezes só jogadores de renome não adianta", disse. O treino do São Paulo nesta segunda-feira foi fechado. O técnico Ney Franco optou pelo segredo e não revelou o time que vai a campo na quarta-feira. Na véspera da primeira partida da decisão, o clube vai fazer outra atividade, que também deverá ser secreta.
continua após publicidade