Esportes

Manifestantes invadem nova sede da CBF na zona oeste

Da Redação ·





Por Diana Brito

RIO DE JANEIRO, RJ, 30 de junho (Folhapress) - Cerca de 40 manifestantes invadiram o prédio da nova sede da CBF, na manhã de hoje, por volta das 9h30, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. Eles protestavam contra um suposto superfaturamento das obras do edifício da entidade.

Ninguém ficou ferido e não houve depredação. O novo prédio da CBF fica na rua Luis Carlos Prestes, em frente ao Hospital Municipal Lourenço Jorge.

O grupo colou na entrada do espaço adesivos exigindo a saída do presidente da CBF, José Maria Marin. Alguns manifestantes escondiam o rosto com a camisa.

"Na hora a gente tomou um susto com a maior barulhada em frente ao hospital. Mas foi só para assustar mesmo. Eles pularam o cercado, invadiram o prédio e penduraram uma bandeira no alto da guarita de segurança", disse Luiz Gustavo da Silva, vigia de um prédio vizinho.

Seguranças do prédio da CBF contaram que o lugar ainda está em obras e, por isso, não tinha ninguém da entidade no espaço. Por volta das 11h, com a chegada da PM, os manifestantes deixaram o local e foram embora num ônibus de excursão, que os aguardava na rua.

Em abril, documentos revelados pela Folha de S.Paulo apontaram superfaturamento na compra do prédio, feita por R$ 70 milhões em 2012.
 

continua após publicidade